Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 12 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Melhor tinta de cabelo é a mais barata, diz teste


Adriana Ferraz
Do Diário do Grande ABC

15/08/2006 | 07:46


Produto caro nem sempre é sinônimo de qualidade, pelo menos quando o assunto é tinta de cabelo. Uma pesquisa realizada pela Pro Teste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor) revelou que a marca mais barata do mercado é a compra mais inteligente. Além do preço, o produto da Márcia Cosméticos traz diversas vantagens, como facilidade de uso e qualidade de fixação da cor. Além desses critérios, a avaliação também levou em conta a composição, potencial de irritação da pele e opinião de usuários. Ao todo, 11 marcas foram levadas para o laboratório. Todas na opção de cor preta.

O aspecto mais criticado pela avaliação está relacionado à composição dos produtos. Marcas conhecidas dos clientes e tradicionais no mercado receberam classificações apenas aceitáveis ou ruins, com exceção das tintas Beauty Color, Luminous e Biocolor. A maioria apresenta substâncias consideradas tóxicas que podem causar irritação, em menor ou maior escala.

Outro aspecto importante da pesquisa – o que define a qualidade de fixação da cor – também desapontou os analistas: menos da metade das marcas recebeu nota máxima. Os produtos, porém, foram bem classificados no quesito instruções ao cliente. As embalagens informam, de maneira clara e correta, todos os riscos e orientações para utilização das tintas. A Pro Teste salienta a importância dessas mensagens de precaução e recomenda a realização do teste de alergia proposto pelas marcas, principalmente para mulheres grávidas.

Já os preços, em dez cidades brasileiras, mostram as diferenças encontradas pelo consumidor e a importância da pesquisa antes da compra. Algumas marcas, como a Cor&Tom, Koleston e Biocolor têm seus valores dobrados de acordo com a cidade e loja.

Procurada pela reportagem, a Luminous – considerada a pior compra – contestou os métodos utilizados pela Pro Teste por não fornecer a metodologia utilizada, assim como a Niasi, fabricante da Biocolor, que comentou que a pesquisa deveria ter seguido um mesmo procedimento para todos os usuários. Para a gerente de produtos da marca, Márcia Rodrigues, um teste comparativo só pode ser levado em consideração se as condições forem iguais para todos os envolvidos. As demais marcas não foram encontradas pela comentar a análise.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Melhor tinta de cabelo é a mais barata, diz teste

Adriana Ferraz
Do Diário do Grande ABC

15/08/2006 | 07:46


Produto caro nem sempre é sinônimo de qualidade, pelo menos quando o assunto é tinta de cabelo. Uma pesquisa realizada pela Pro Teste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor) revelou que a marca mais barata do mercado é a compra mais inteligente. Além do preço, o produto da Márcia Cosméticos traz diversas vantagens, como facilidade de uso e qualidade de fixação da cor. Além desses critérios, a avaliação também levou em conta a composição, potencial de irritação da pele e opinião de usuários. Ao todo, 11 marcas foram levadas para o laboratório. Todas na opção de cor preta.

O aspecto mais criticado pela avaliação está relacionado à composição dos produtos. Marcas conhecidas dos clientes e tradicionais no mercado receberam classificações apenas aceitáveis ou ruins, com exceção das tintas Beauty Color, Luminous e Biocolor. A maioria apresenta substâncias consideradas tóxicas que podem causar irritação, em menor ou maior escala.

Outro aspecto importante da pesquisa – o que define a qualidade de fixação da cor – também desapontou os analistas: menos da metade das marcas recebeu nota máxima. Os produtos, porém, foram bem classificados no quesito instruções ao cliente. As embalagens informam, de maneira clara e correta, todos os riscos e orientações para utilização das tintas. A Pro Teste salienta a importância dessas mensagens de precaução e recomenda a realização do teste de alergia proposto pelas marcas, principalmente para mulheres grávidas.

Já os preços, em dez cidades brasileiras, mostram as diferenças encontradas pelo consumidor e a importância da pesquisa antes da compra. Algumas marcas, como a Cor&Tom, Koleston e Biocolor têm seus valores dobrados de acordo com a cidade e loja.

Procurada pela reportagem, a Luminous – considerada a pior compra – contestou os métodos utilizados pela Pro Teste por não fornecer a metodologia utilizada, assim como a Niasi, fabricante da Biocolor, que comentou que a pesquisa deveria ter seguido um mesmo procedimento para todos os usuários. Para a gerente de produtos da marca, Márcia Rodrigues, um teste comparativo só pode ser levado em consideração se as condições forem iguais para todos os envolvidos. As demais marcas não foram encontradas pela comentar a análise.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;