Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 10 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Cai preço do álcool no Estado de SP



19/04/2006 | 00:23


O preço do álcool hidratado nos postos paulistas manteve o ritmo de queda e fechou a R$ 1,747 por litro na última semana, valor 1,07% menor do que o registrado no período anterior. Na média nacional, porém, o preço do combustível continua estável, sem repasse para o consumidor da redução das cotações no atacado.

Segundo a pesquisa semanal de preço da ANP (Agência Nacional do Petróleo), o litro do álcool custava, em média no país, R$ 2. Em São Paulo, o preço do combustível chega à quarta semana de queda consecutiva. De acordo com a ANP, a redução acumulada no período chega a 2,4%, refletindo maior estabilidade na relação entre oferta e demanda após o início da colheita da safra 2005/2006 e a redução do percentual de álcool anidro na gasolina de 25% para 20%.

Segundo o Cepea (Centro de Pesquisa Econômica Aplicada), da USP, a cotação do produto nas usinas paulistas caiu 3,2% na semana passada, chegando a R$ 1,1215 por litro. O órgão também verificou uma queda, ainda que em menor intensidade, na cotação do álcool anidro, que é misturado à gasolina. De acordo com o instituto, o preço do combustível caiu 0,7%, para R$ 1,2067 por litro.

O movimento, no entanto, ainda não teve reflexos no preço da gasolina, que, segundo a ANP, fechou a semana a R$ 2,471, em média, nos postos de São Paulo. A pesquisa detectou ainda alta no preço do gás natural veicular (GNV), que vem subindo nas últimas quatro semanas. Em São Paulo, o produto foi vendido, em média, a R$ 1,179 por metro cúbico na última semana, valor praticamente estável com relação à semana anterior.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cai preço do álcool no Estado de SP


19/04/2006 | 00:23


O preço do álcool hidratado nos postos paulistas manteve o ritmo de queda e fechou a R$ 1,747 por litro na última semana, valor 1,07% menor do que o registrado no período anterior. Na média nacional, porém, o preço do combustível continua estável, sem repasse para o consumidor da redução das cotações no atacado.

Segundo a pesquisa semanal de preço da ANP (Agência Nacional do Petróleo), o litro do álcool custava, em média no país, R$ 2. Em São Paulo, o preço do combustível chega à quarta semana de queda consecutiva. De acordo com a ANP, a redução acumulada no período chega a 2,4%, refletindo maior estabilidade na relação entre oferta e demanda após o início da colheita da safra 2005/2006 e a redução do percentual de álcool anidro na gasolina de 25% para 20%.

Segundo o Cepea (Centro de Pesquisa Econômica Aplicada), da USP, a cotação do produto nas usinas paulistas caiu 3,2% na semana passada, chegando a R$ 1,1215 por litro. O órgão também verificou uma queda, ainda que em menor intensidade, na cotação do álcool anidro, que é misturado à gasolina. De acordo com o instituto, o preço do combustível caiu 0,7%, para R$ 1,2067 por litro.

O movimento, no entanto, ainda não teve reflexos no preço da gasolina, que, segundo a ANP, fechou a semana a R$ 2,471, em média, nos postos de São Paulo. A pesquisa detectou ainda alta no preço do gás natural veicular (GNV), que vem subindo nas últimas quatro semanas. Em São Paulo, o produto foi vendido, em média, a R$ 1,179 por metro cúbico na última semana, valor praticamente estável com relação à semana anterior.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;