Fechar
Publicidade

Sábado, 4 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Celulite


Leo Kahn

29/09/2017 | 07:00


Também conhecida como lipodistrofia ginoide, ocorre através do acúmulo de gordura, água e toxinas nas células.
Essas células, quando cheias e endurecidas, apresentam nódulos e desníveis no subcutâneo, alterando a microcirculação e aumentando o tecido fibroso.
Maior predileção pela região glútea, lateral da coxa, face interna e posterior da coxa, abdômen, nuca, parte posterior e lateral dos braços e a face interna dos joelhos. Acomete mais o sexo feminino, cerca de oito em cada dez mulheres, podendo ser classificadas de acordo com a profundidade, flacidez e elevações na pele.

Estágios da celulite:
1 – Aumento de volume das células do tecido gorduroso na região afetada, sem alteração circulatória e dos tecidos de sustentação. Não há sinais visíveis na pele ou dor.
2 – As células gordurosas da parte mais profunda começam a sofrer o mesmo processo, aparece certo grau de fibrose, alteração circulatória por provocar a compressão das microveias e vasos linfáticos. É possível observar irregularidades à palpação e ainda não existe dor.
3 – Ocorre desordenação do tecido e aparecimento dos nódulos que, apesar de mais profundos, são vistos como irregularidades na superfície da pele, mesmo sem palpação. A pele tem o aspecto parecido com ‘casca de laranja’.
4 – Ocorre a fibroesclerose e a circulação de retorno está muito comprometida, a celulite é dura e a pele fica ‘lustrosa’, cheia de depressões, com aspecto acolchoado.

Fatores de risco:
Herança genética.
Alterações hormonais.
Alimentação.
Sedentarismo.
Excesso de peso.
Tabagismo.
Estresse.
Álcool.
Desidratação.

Sinais e Sintomas:
Pele com aspecto irregular.
Aparência de casca de uma laranja.
Região mais fria.
Endurecimento.
Dor.
Aumento da sensibilidade.
O diagnóstico é realizado pelo histórico e exame físico do paciente.

Saiba mais:
Indivíduos magros podem ter celulite.
Cuidado com anticoncepcional.
Reposição hormonal na menopausa piora o quadro.
Beba de um a dois litros de água por dia
O uso de cafeína não provoca celulite
Sálvia, menta, espinho branco e o chá verde são aliados nessa luta.
Aumente o consumo de verduras, hortaliças e alimentos ricos em ferro.
Frutas cítricas, verduras verdes escuras e oleaginosas são fontes de vitamina A, C e E, que ajudam no combate dos radicais livres.
Reduza o consumo de sal.
Não utilize alimentos enlatados, refrigerantes, doces e frituras.
Consuma mais fibras para facilitar o trabalho intestinal.
Não use cintas redutoras, que dificultam a circulação venosa e linfática.
Roupas justas também prejudicam a circulação.
Massageie as pernas e coxas com creme de forma a facilitar a circulação sanguínea.
Natação e a hidroginástica são atividades especialmente aconselhadas no combate à celulite.
Realize exercícios ao ar livre, como as caminhadas ou corridas. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Celulite

Leo Kahn

29/09/2017 | 07:00


Também conhecida como lipodistrofia ginoide, ocorre através do acúmulo de gordura, água e toxinas nas células.
Essas células, quando cheias e endurecidas, apresentam nódulos e desníveis no subcutâneo, alterando a microcirculação e aumentando o tecido fibroso.
Maior predileção pela região glútea, lateral da coxa, face interna e posterior da coxa, abdômen, nuca, parte posterior e lateral dos braços e a face interna dos joelhos. Acomete mais o sexo feminino, cerca de oito em cada dez mulheres, podendo ser classificadas de acordo com a profundidade, flacidez e elevações na pele.

Estágios da celulite:
1 – Aumento de volume das células do tecido gorduroso na região afetada, sem alteração circulatória e dos tecidos de sustentação. Não há sinais visíveis na pele ou dor.
2 – As células gordurosas da parte mais profunda começam a sofrer o mesmo processo, aparece certo grau de fibrose, alteração circulatória por provocar a compressão das microveias e vasos linfáticos. É possível observar irregularidades à palpação e ainda não existe dor.
3 – Ocorre desordenação do tecido e aparecimento dos nódulos que, apesar de mais profundos, são vistos como irregularidades na superfície da pele, mesmo sem palpação. A pele tem o aspecto parecido com ‘casca de laranja’.
4 – Ocorre a fibroesclerose e a circulação de retorno está muito comprometida, a celulite é dura e a pele fica ‘lustrosa’, cheia de depressões, com aspecto acolchoado.

Fatores de risco:
Herança genética.
Alterações hormonais.
Alimentação.
Sedentarismo.
Excesso de peso.
Tabagismo.
Estresse.
Álcool.
Desidratação.

Sinais e Sintomas:
Pele com aspecto irregular.
Aparência de casca de uma laranja.
Região mais fria.
Endurecimento.
Dor.
Aumento da sensibilidade.
O diagnóstico é realizado pelo histórico e exame físico do paciente.

Saiba mais:
Indivíduos magros podem ter celulite.
Cuidado com anticoncepcional.
Reposição hormonal na menopausa piora o quadro.
Beba de um a dois litros de água por dia
O uso de cafeína não provoca celulite
Sálvia, menta, espinho branco e o chá verde são aliados nessa luta.
Aumente o consumo de verduras, hortaliças e alimentos ricos em ferro.
Frutas cítricas, verduras verdes escuras e oleaginosas são fontes de vitamina A, C e E, que ajudam no combate dos radicais livres.
Reduza o consumo de sal.
Não utilize alimentos enlatados, refrigerantes, doces e frituras.
Consuma mais fibras para facilitar o trabalho intestinal.
Não use cintas redutoras, que dificultam a circulação venosa e linfática.
Roupas justas também prejudicam a circulação.
Massageie as pernas e coxas com creme de forma a facilitar a circulação sanguínea.
Natação e a hidroginástica são atividades especialmente aconselhadas no combate à celulite.
Realize exercícios ao ar livre, como as caminhadas ou corridas. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;