Fechar
Publicidade

Sábado, 18 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Água Santa recebe Rio Preto no Inamar para abrir outra maratona


Marcelo Agachoy
Especial para o Diário

08/04/2017 | 07:00


O Água Santa enfrentará maratona de jogos nos próximos sete dias contra equipes na parte de baixo da classificação da Série A-2 do Paulista. O Rio Preto, antepenúltimo colocado, abre a sequência hoje, às 15h, no Inamar.

O Netuno assumiu a vice-liderança na última rodada após vencer o Batatais por 2 a 1, em Diadema. Um ponto atrás do líder São Caetano, a equipe do técnico Jorginho busca vencer em casa e torcer por tropeço do Azulão para assumir a ponta.

“Será um confronto difícil, mas, para isso, iremos contar com a força da torcida. Nessa reta final é muito importante termos o apoio do torcedor nos jogos em casa, a motivação é muito maior”, declarou Jorginho.

O Água Santa ainda não deve contar com todos seus jogadores para a partida. “Nosso ritmo de jogo é muito forte, por isso perdemos muitos atletas pelo cansaço”, disse o treinador.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Água Santa recebe Rio Preto no Inamar para abrir outra maratona

Marcelo Agachoy
Especial para o Diário

08/04/2017 | 07:00


O Água Santa enfrentará maratona de jogos nos próximos sete dias contra equipes na parte de baixo da classificação da Série A-2 do Paulista. O Rio Preto, antepenúltimo colocado, abre a sequência hoje, às 15h, no Inamar.

O Netuno assumiu a vice-liderança na última rodada após vencer o Batatais por 2 a 1, em Diadema. Um ponto atrás do líder São Caetano, a equipe do técnico Jorginho busca vencer em casa e torcer por tropeço do Azulão para assumir a ponta.

“Será um confronto difícil, mas, para isso, iremos contar com a força da torcida. Nessa reta final é muito importante termos o apoio do torcedor nos jogos em casa, a motivação é muito maior”, declarou Jorginho.

O Água Santa ainda não deve contar com todos seus jogadores para a partida. “Nosso ritmo de jogo é muito forte, por isso perdemos muitos atletas pelo cansaço”, disse o treinador.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;