Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Mulher mata vizinho que violentou seu filho



08/02/2006 | 08:33


Maria do Carmo Ghislotti, 31 anos, matou nesta terça seu vizinho de 15 anos, depois que o adolescente violentou seu filho de apenas três anos de idade. O crime aconteceu dentro da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de São Carlos, interior de São Paulo, enquanto era registrada a ocorrência da agressão sexual à criança.

No final da manhã desta terça, Sebastião Terteluano, 35, surpreendeu o filho sendo violentado pelo vizinho Robson Xavier Francelino de Andrade, num bambuzal do distrito de Santa Eudóxia, na zona rural de São Carlos. Robson fugiu. A polícia foi acionada e Robson, preso em casa.

O adolescente e os pais da criança foram levados à Delegacia de Defesa da Mulher para o registro de ocorrência. Por volta das 13h, a criança foi encaminhada ao Pronto-Socorro para exame de corpo de delito para confirmar a violência sexual, em companhia do pai e de um policial militar. Maria do Carmo, Robson e outro PM permaneceram ali. De repente, Maria do Carmo atacou Robson, cravando-lhe uma faca de cozinha no pescoço. O adolescente morreu no local.

Maria do Carmo foi presa em flagrante e levada à Cadeia Feminina de Ribeirão Bonito. Segundo o delegado Maurício Dotta, da DIG (Delegacia de Investigações Gerais), de São Carlos, a mãe da criança violentada disse que matou o adolescente porque ele a teria provocado, afirmando que, por ser menor, não ficaria preso.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mulher mata vizinho que violentou seu filho


08/02/2006 | 08:33


Maria do Carmo Ghislotti, 31 anos, matou nesta terça seu vizinho de 15 anos, depois que o adolescente violentou seu filho de apenas três anos de idade. O crime aconteceu dentro da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de São Carlos, interior de São Paulo, enquanto era registrada a ocorrência da agressão sexual à criança.

No final da manhã desta terça, Sebastião Terteluano, 35, surpreendeu o filho sendo violentado pelo vizinho Robson Xavier Francelino de Andrade, num bambuzal do distrito de Santa Eudóxia, na zona rural de São Carlos. Robson fugiu. A polícia foi acionada e Robson, preso em casa.

O adolescente e os pais da criança foram levados à Delegacia de Defesa da Mulher para o registro de ocorrência. Por volta das 13h, a criança foi encaminhada ao Pronto-Socorro para exame de corpo de delito para confirmar a violência sexual, em companhia do pai e de um policial militar. Maria do Carmo, Robson e outro PM permaneceram ali. De repente, Maria do Carmo atacou Robson, cravando-lhe uma faca de cozinha no pescoço. O adolescente morreu no local.

Maria do Carmo foi presa em flagrante e levada à Cadeia Feminina de Ribeirão Bonito. Segundo o delegado Maurício Dotta, da DIG (Delegacia de Investigações Gerais), de São Carlos, a mãe da criança violentada disse que matou o adolescente porque ele a teria provocado, afirmando que, por ser menor, não ficaria preso.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;