Fechar
Publicidade

Sábado, 18 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Só para os altinhos


Gabriela Germano
Da TV Press

28/10/2006 | 18:15


Como a doce e calma Olívia, de Floribella, Julianne Trevisol chamou a atenção do público infantil. Com um megahair que chega quase à sua cintura, ela agora passa despercebida pelos baixinhos nas ruas e se prepara para participar da primeira novela adulta de sua carreira, Paixões Proibidas, da Band. “É incrível como as crianças não me reconhecem mais com a mudança do visual”, confirma a atriz, referindo-se ao cabelão postiço que colocou para interpretar a camponesa Mariana.

Na trama, que é uma adaptação feita por Aimar Labaki de três obras do escritor português Camilo Castelo Branco, Julianne fará parte de um triângulo amoroso. Nos dois outros ângulos estão Simão, personagem de Miguel Thiré, e Tereza, interpretada por Ana Sophia Folch. Apesar de ser a intrusa no romance e, por isso, ser encarada como vilã, a atriz vai logo defendendo sua personagem antes mesmo da história começar. “Ela não é má. Apenas tem um desvio de caráter na hora de lutar por seu amor”, afirma.

Quando a novela tem início, Mariana ainda é realmente uma pessoa admirável. Boa filha, meiga e indignada com aqueles que maltratam os escravos. Mas por não ter sua paixão correspondida, ela se transforma. “Afinal, quem é que já não aprontou alguma por amor?”, diz.

O fato de fazer seu primeiro trabalho na TV voltado para o público adulto deixa a atriz bem animada. “Fiquei um tempo me dedicando exclusivamente às crianças, em Floribella e em uma peça. Vai ser um bom exercício me dirigir a outro público”, afirma. Mas a maior empolgação de Julianne é trabalhar em uma novela de época – a história se passa nos anos de 1800.

No pacote das preparações especiais foram incluídas aulas de etiqueta, manuseio de armas e equitação. Como na trama o pai de sua personagem é ferreiro, Mariana terá de mostrar intimidade com cavalos. “Nunca tinha visto um cavalo de perto na minha vida!”, conta. Para resolver o problema, Julianne procurou uma amiga, dona de uma fazenda. “Liguei para ela e me ofereci para passar uns dias perto dos bichinhos”, diz.

E a empolgação da atriz não pára por aí. Com os olhos brilhando, ela fala do figurino que vai usar. “Estou adorando o estilo campestre das roupas porque sou totalmente urbana”, explica. A única ressalva feita por Julianne se refere aos cabelos. “A colinha desse megahair coça demais”, diz.

Ciente de que cenas mais ousadas vão acontecer na trama, Julianne não se acanha. Mas ela logo avisa que, até onde sabe, sua personagem não protagonizará os momentos mais ardentes da história. “Não sei se participarei de cenas sensuais. Mas já fiz Nelson Rodrigues no teatro e encaro isso com naturalidade”, afirma sem rodeios. Paixões Proibidas tem estréia prevista para o próximo mês, às 22h, na Band.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Só para os altinhos

Gabriela Germano
Da TV Press

28/10/2006 | 18:15


Como a doce e calma Olívia, de Floribella, Julianne Trevisol chamou a atenção do público infantil. Com um megahair que chega quase à sua cintura, ela agora passa despercebida pelos baixinhos nas ruas e se prepara para participar da primeira novela adulta de sua carreira, Paixões Proibidas, da Band. “É incrível como as crianças não me reconhecem mais com a mudança do visual”, confirma a atriz, referindo-se ao cabelão postiço que colocou para interpretar a camponesa Mariana.

Na trama, que é uma adaptação feita por Aimar Labaki de três obras do escritor português Camilo Castelo Branco, Julianne fará parte de um triângulo amoroso. Nos dois outros ângulos estão Simão, personagem de Miguel Thiré, e Tereza, interpretada por Ana Sophia Folch. Apesar de ser a intrusa no romance e, por isso, ser encarada como vilã, a atriz vai logo defendendo sua personagem antes mesmo da história começar. “Ela não é má. Apenas tem um desvio de caráter na hora de lutar por seu amor”, afirma.

Quando a novela tem início, Mariana ainda é realmente uma pessoa admirável. Boa filha, meiga e indignada com aqueles que maltratam os escravos. Mas por não ter sua paixão correspondida, ela se transforma. “Afinal, quem é que já não aprontou alguma por amor?”, diz.

O fato de fazer seu primeiro trabalho na TV voltado para o público adulto deixa a atriz bem animada. “Fiquei um tempo me dedicando exclusivamente às crianças, em Floribella e em uma peça. Vai ser um bom exercício me dirigir a outro público”, afirma. Mas a maior empolgação de Julianne é trabalhar em uma novela de época – a história se passa nos anos de 1800.

No pacote das preparações especiais foram incluídas aulas de etiqueta, manuseio de armas e equitação. Como na trama o pai de sua personagem é ferreiro, Mariana terá de mostrar intimidade com cavalos. “Nunca tinha visto um cavalo de perto na minha vida!”, conta. Para resolver o problema, Julianne procurou uma amiga, dona de uma fazenda. “Liguei para ela e me ofereci para passar uns dias perto dos bichinhos”, diz.

E a empolgação da atriz não pára por aí. Com os olhos brilhando, ela fala do figurino que vai usar. “Estou adorando o estilo campestre das roupas porque sou totalmente urbana”, explica. A única ressalva feita por Julianne se refere aos cabelos. “A colinha desse megahair coça demais”, diz.

Ciente de que cenas mais ousadas vão acontecer na trama, Julianne não se acanha. Mas ela logo avisa que, até onde sabe, sua personagem não protagonizará os momentos mais ardentes da história. “Não sei se participarei de cenas sensuais. Mas já fiz Nelson Rodrigues no teatro e encaro isso com naturalidade”, afirma sem rodeios. Paixões Proibidas tem estréia prevista para o próximo mês, às 22h, na Band.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;