Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 24 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Suassuna promete três piscinões para córrego Aricanduva


Do Diário OnLine

15/02/2002 | 00:17


Foram anunciadas nesta quinta-feira as medidas que deverão ser adotadas para resolver o problema das enchentes no córrego Aricanduva, na zona Leste da capital paulista. O ministro da Integração Social, Ney Suassuna, sobrevoou a área do córrego, região que foi castigada por forte temporal na tarde desta quarta. Ele prometeu liberar verba para a construção de três piscinões.

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, afirmou que é necessária a construção de 11 piscinões para acabar com as inundações na região, que custariam R$ 102 milhões. “Vamos pedir mais três extras, pois para chegar aos 11 ainda demora”, disse a prefeita.

A prefeitura enviará até a próxima terça-feira ao Ministério da Integração Nacional um relatório de avaliação de danos causados pela enchente no córrego Aricanduva.

Sumiço — Após sobrevoar a zona Leste de São Paulo, Suassuna afirmou desconhecer o destino das verbas do orçamento federal reservadas no ano passado ao combate de enchentes.

"Vou relatar ao presidente sobre o que vi em São Paulo e tomar providências para saber o que aconteceu com esses R$ 30 milhões (destinados à prefeitura). Vou tentar localizar onde anda isso", disse.

Marta Suplicy, por sua vez, afirma que a verba ainda não foi liberada e pediu uma atitude rápida. " Eu vou pedir que o senhor avise o presidente que se ele tem tanta atenção com São Paulo não deve cortar os R$ 30 milhões que vem para cá. Se ele tem tanta atenção que libere essa verba prioritária", disse.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Suassuna promete três piscinões para córrego Aricanduva

Do Diário OnLine

15/02/2002 | 00:17


Foram anunciadas nesta quinta-feira as medidas que deverão ser adotadas para resolver o problema das enchentes no córrego Aricanduva, na zona Leste da capital paulista. O ministro da Integração Social, Ney Suassuna, sobrevoou a área do córrego, região que foi castigada por forte temporal na tarde desta quarta. Ele prometeu liberar verba para a construção de três piscinões.

A prefeita de São Paulo, Marta Suplicy, afirmou que é necessária a construção de 11 piscinões para acabar com as inundações na região, que custariam R$ 102 milhões. “Vamos pedir mais três extras, pois para chegar aos 11 ainda demora”, disse a prefeita.

A prefeitura enviará até a próxima terça-feira ao Ministério da Integração Nacional um relatório de avaliação de danos causados pela enchente no córrego Aricanduva.

Sumiço — Após sobrevoar a zona Leste de São Paulo, Suassuna afirmou desconhecer o destino das verbas do orçamento federal reservadas no ano passado ao combate de enchentes.

"Vou relatar ao presidente sobre o que vi em São Paulo e tomar providências para saber o que aconteceu com esses R$ 30 milhões (destinados à prefeitura). Vou tentar localizar onde anda isso", disse.

Marta Suplicy, por sua vez, afirma que a verba ainda não foi liberada e pediu uma atitude rápida. " Eu vou pedir que o senhor avise o presidente que se ele tem tanta atenção com São Paulo não deve cortar os R$ 30 milhões que vem para cá. Se ele tem tanta atenção que libere essa verba prioritária", disse.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;