Fechar
Publicidade

Sábado, 14 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

CPI ouvirá pilotos para saber quem ia à casa de Angra



28/04/2006 | 00:53


Com o apoio dos governistas, a CPI dos Bingos convocou nesta quinta-feira para depor Demétrio do Amaral e Milton José Teixeira Rangel, pilotos que atendem à Fábrica Brasileiras de Máquinas Automáticas Ltda. A empresa pertence a empresários de bingo angolanos que, segundo o advogado Rogério Buratti, teriam oferecido R$ 1 milhão ao então coordenador da campanha de Lula, Antonio Palocci, em troca da legalização da atividade no país. São eles: José Paulo Teixeira Cruz Figueiredo Artur José Valente de Oliveira Caio e José Pedro Rolando.

Autor do requerimento, o relator Garibaldi Alves (PMDB-RN) disse que os pilotos serão questionados sobre os passageiros que teriam transportado para uma casa em Angra dos Reis, alugada pelo empresário Roberto Carlos Kurzweil. Entre os passageiros, segundo informações, estariam o ex-ministro da Fazenda Antonio Pallocci e seus familiares, seu ex-assessor Ralph Barquete e o Buratti.

Arcanjo – Em outra decisão, o presidente da comissão, senador Garibaldo Alves (PMDB-RN), encarregou uma comissão formada por seis senadores de ouvir em Cuiabá José Arcanjo Ribeiro, conhecido por comendador Arcanjo, que comandava o crime organizado em Mato Grosso. Condenado a 44 anos de prisão, o comendador será ouvido sobre a sua ligação com o esquema de corrupção em Santo André.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

CPI ouvirá pilotos para saber quem ia à casa de Angra


28/04/2006 | 00:53


Com o apoio dos governistas, a CPI dos Bingos convocou nesta quinta-feira para depor Demétrio do Amaral e Milton José Teixeira Rangel, pilotos que atendem à Fábrica Brasileiras de Máquinas Automáticas Ltda. A empresa pertence a empresários de bingo angolanos que, segundo o advogado Rogério Buratti, teriam oferecido R$ 1 milhão ao então coordenador da campanha de Lula, Antonio Palocci, em troca da legalização da atividade no país. São eles: José Paulo Teixeira Cruz Figueiredo Artur José Valente de Oliveira Caio e José Pedro Rolando.

Autor do requerimento, o relator Garibaldi Alves (PMDB-RN) disse que os pilotos serão questionados sobre os passageiros que teriam transportado para uma casa em Angra dos Reis, alugada pelo empresário Roberto Carlos Kurzweil. Entre os passageiros, segundo informações, estariam o ex-ministro da Fazenda Antonio Pallocci e seus familiares, seu ex-assessor Ralph Barquete e o Buratti.

Arcanjo – Em outra decisão, o presidente da comissão, senador Garibaldo Alves (PMDB-RN), encarregou uma comissão formada por seis senadores de ouvir em Cuiabá José Arcanjo Ribeiro, conhecido por comendador Arcanjo, que comandava o crime organizado em Mato Grosso. Condenado a 44 anos de prisão, o comendador será ouvido sobre a sua ligação com o esquema de corrupção em Santo André.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;