Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Fernando Baiano é a esperança de gols no Corinthians


Do Diário do Grande ABC

15/09/1999 | 18:53


Ele nao tem a fama e o prestígio de astros como Marcelinho, Edilson e Luizao. Nos treinos, ainda consegue driblar com facilidade o assédio dos fas, muitos que o viram crescer nas categorias de base do clube. Mesmo longe de tornar-se ídolo, o atacante Fernando Baiano talvez seja o melhor exemplo de que o Corinthians pode ser tao forte em competiçoes internacionais quanto nas disputadas no Brasil.

Aos 20 anos, Fernando foi um dos artilheiros da Taça Libertadores deste ano, com seis gols. Conseguiu, no mesmo torneio, uma proeza: marcar cinco gols numa mesma partida, na histórica goleada do Alvinegro por 8 a 2 sobre o Cerro Porteño, do Paraguai, no Pacaembu.

Atualmente, é o artilheiro da equipe na Copa Mercosul, com dois gols, ambos marcados na vitória por 3 a 1 sobre o Vélez Sarsfield, em Buenos Aires. Fernando estava na reserva, entrou em campo na etapa final e, mesmo com pouco tempo, deixou sua marca. "Provei que tenho condiçoes de ser titular do Corinthians", afirmou o atacante.

Fernando conseguiu uma vaga na equipe principal depois de ter se destacado na Copa Sao Paulo de Juniores, no início do ano. No Campeonato Paulista, voltou a agradar à comissao técnica e aos torcedores, numa época em que o Corinthians corria atrás de um "matador". A rápida ascensao, no entanto, foi interrompida com a chegada de Luizao, o astro que ficou com a sua vaga de titular.

Como Edilson está machucado, Fernando voltará ao time nesta quinta-feira a noite, no Pacaembu, diante do Grêmio, pela Mercosul. O artilheiro corintiano sabe que terá dois problemas: enfrentar a forte marcaçao gaúcha, cuja a defesa será formada por três zagueiros, e entrosar-se com Luizao, que tem características semelhantes às suas. "Vamos ter de nos movimentar bastante, para nao ficarmos os dois parados dentro da área", destacou Fernando.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Fernando Baiano é a esperança de gols no Corinthians

Do Diário do Grande ABC

15/09/1999 | 18:53


Ele nao tem a fama e o prestígio de astros como Marcelinho, Edilson e Luizao. Nos treinos, ainda consegue driblar com facilidade o assédio dos fas, muitos que o viram crescer nas categorias de base do clube. Mesmo longe de tornar-se ídolo, o atacante Fernando Baiano talvez seja o melhor exemplo de que o Corinthians pode ser tao forte em competiçoes internacionais quanto nas disputadas no Brasil.

Aos 20 anos, Fernando foi um dos artilheiros da Taça Libertadores deste ano, com seis gols. Conseguiu, no mesmo torneio, uma proeza: marcar cinco gols numa mesma partida, na histórica goleada do Alvinegro por 8 a 2 sobre o Cerro Porteño, do Paraguai, no Pacaembu.

Atualmente, é o artilheiro da equipe na Copa Mercosul, com dois gols, ambos marcados na vitória por 3 a 1 sobre o Vélez Sarsfield, em Buenos Aires. Fernando estava na reserva, entrou em campo na etapa final e, mesmo com pouco tempo, deixou sua marca. "Provei que tenho condiçoes de ser titular do Corinthians", afirmou o atacante.

Fernando conseguiu uma vaga na equipe principal depois de ter se destacado na Copa Sao Paulo de Juniores, no início do ano. No Campeonato Paulista, voltou a agradar à comissao técnica e aos torcedores, numa época em que o Corinthians corria atrás de um "matador". A rápida ascensao, no entanto, foi interrompida com a chegada de Luizao, o astro que ficou com a sua vaga de titular.

Como Edilson está machucado, Fernando voltará ao time nesta quinta-feira a noite, no Pacaembu, diante do Grêmio, pela Mercosul. O artilheiro corintiano sabe que terá dois problemas: enfrentar a forte marcaçao gaúcha, cuja a defesa será formada por três zagueiros, e entrosar-se com Luizao, que tem características semelhantes às suas. "Vamos ter de nos movimentar bastante, para nao ficarmos os dois parados dentro da área", destacou Fernando.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;