Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 19 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Flavio Florence rege a Sinfônica do Estado


Gislaine Gutierre
Da Redaçao

09/09/2000 | 15:52


O maestro Flavio Florence, titular da Orquestra Sinfônica de Santo André, estréia neste domingo como regente convidado da Banda Sinfônica do Estado de Sao Paulo. O concerto será realizado às 19h, no Memorial da América Latina, em Sao Paulo, com entrada franca. O programa é composto por três obras de Stravinski. 

"Acompanho o trabalho da Banda desde o seu primeiro concerto e estou feliz por esta oportunidade, pois estarei rodeado de amigos", conta Florence, lembrando que sua mulher, a flautista Mônica Camargo, também estará no grupo de instrumentistas sob seu comando. 

Outro motivo que o deixa feliz é o fato de poder executar as obras de um de seus compositores preferidos: Stravinski: "Ele escreveu várias peças originais para banda". Entre outras está o Concerto Para Piano, Instrumentos de Sopro e Percussao, escrito em 1924 e que, para esta apresentaçao, contará com o pianista Achille Picchi como solista. "É uma peça muito difícil, talvez uma das mais desafiadoras de minha carreira", comenta o maestro, ressaltando que ela oferece "uma dificuldade rítmica atroz".

A apresentaçao da Banda começa com este concerto que, aliás, é uma obra representativa do período em que Stravinski já era um compositor famoso. Para contrapor a esta, Florence também selecionou Pássaro de Fogo, sua primeira composiçao, feita por encomenda em 1910.  "Naquela época, Stravinski trabalhava para uma companhia de balé russa, e fazia transcriçoes de obras de outros compositores. Um dia, o diretor do grupo, Diaghilev, pediu-lhe que escrevesse uma obra, sugerindo como tema alguma lenda do país", explica o regente. E assim começou a brilhante carreira de Stravinski.

Pássaro de Fogo, a última música do concerto, será executada logo após um intervalo. A segunda peça do programa é A História do Soldado, composta em 1918 e que já foi tocada, em outra ocasiao, pela Orquestra Sinfônica de Santo André. Trata-se de uma obra camerística. Vale lembrar que a segunda apresentaçao da Banda Sinfônica do Estado com Florence, marcada para o dia 18, foi cancelada.

Banda Sinfônica do Estado de Sao Paulo - Concerto com regência de Flavio Florence. Domingo, às 19h. No Memorial da América Latina - av Auro Soares de Moura Andrade, 664. Tel.: 3823-9725. Entrada franca.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Flavio Florence rege a Sinfônica do Estado

Gislaine Gutierre
Da Redaçao

09/09/2000 | 15:52


O maestro Flavio Florence, titular da Orquestra Sinfônica de Santo André, estréia neste domingo como regente convidado da Banda Sinfônica do Estado de Sao Paulo. O concerto será realizado às 19h, no Memorial da América Latina, em Sao Paulo, com entrada franca. O programa é composto por três obras de Stravinski. 

"Acompanho o trabalho da Banda desde o seu primeiro concerto e estou feliz por esta oportunidade, pois estarei rodeado de amigos", conta Florence, lembrando que sua mulher, a flautista Mônica Camargo, também estará no grupo de instrumentistas sob seu comando. 

Outro motivo que o deixa feliz é o fato de poder executar as obras de um de seus compositores preferidos: Stravinski: "Ele escreveu várias peças originais para banda". Entre outras está o Concerto Para Piano, Instrumentos de Sopro e Percussao, escrito em 1924 e que, para esta apresentaçao, contará com o pianista Achille Picchi como solista. "É uma peça muito difícil, talvez uma das mais desafiadoras de minha carreira", comenta o maestro, ressaltando que ela oferece "uma dificuldade rítmica atroz".

A apresentaçao da Banda começa com este concerto que, aliás, é uma obra representativa do período em que Stravinski já era um compositor famoso. Para contrapor a esta, Florence também selecionou Pássaro de Fogo, sua primeira composiçao, feita por encomenda em 1910.  "Naquela época, Stravinski trabalhava para uma companhia de balé russa, e fazia transcriçoes de obras de outros compositores. Um dia, o diretor do grupo, Diaghilev, pediu-lhe que escrevesse uma obra, sugerindo como tema alguma lenda do país", explica o regente. E assim começou a brilhante carreira de Stravinski.

Pássaro de Fogo, a última música do concerto, será executada logo após um intervalo. A segunda peça do programa é A História do Soldado, composta em 1918 e que já foi tocada, em outra ocasiao, pela Orquestra Sinfônica de Santo André. Trata-se de uma obra camerística. Vale lembrar que a segunda apresentaçao da Banda Sinfônica do Estado com Florence, marcada para o dia 18, foi cancelada.

Banda Sinfônica do Estado de Sao Paulo - Concerto com regência de Flavio Florence. Domingo, às 19h. No Memorial da América Latina - av Auro Soares de Moura Andrade, 664. Tel.: 3823-9725. Entrada franca.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;