Fechar
Publicidade

Sábado, 7 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Tiroteio e pânico em assalto a churrascaria

André Henriques/DGABC  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Evandro De Marco
Do Diário do Grande ABC

18/09/2008 | 07:11


Três homens armados invadiram um posto de gasolina e uma churrascaria situados na Rodovia Índio Tibiriçá, em Ribeirão Pires. Os assaltantes fizeram um refém e depois de trocar tiros com policiais militares, um deles foi baleado e preso; outros dois conseguiram fugir, levando dinheiro e pertences das vítimas.

No início da madrugada de ontem os assaltantes chegaram ao posto de gasolina, rendendo os frentistas e alguns clientes que entregaram dinheiro e objetos pessoais. A seguir, obrigaram um dos funcionários a abrir o cofre de onde levaram cerca de R$ 1.000.

Enquanto um dos assaltantes mantinha os frentistas sob a mira de revólver os outros dois invadiram a churrascaria, ao lado do posto, dominando fregueses e funcionários. "Eles chegaram e anunciaram o assalto exigindo a todos que colocassem celulares, bolsas e dinheiro sobre a mesa. Ficamos apavorados", disse uma bancária de 40 anos. Um jovem industrial que se servia foi obrigado a retornar à mesa e entregar sua carteira . "Por sorte, disse ele, o dinheiro estava no bolso e não na carteira".

Quando os assaltantes já se preparavam para deixar a churrascaria foram surpreendidos por uma viatura da PM que passava pelo local. Na tentativa de fuga um dos ladrões fez refém o frentista C.B.S. de 19 anos. "Ele com o revólver na minha cabeça gritava para os policiais que entregassem suas armas", disse o frentista.

Num momento de descuido o PM Roberto conseguiu sacar o revólver, dando início ao tiroteio. "Foi nesse momento que consegui correr e me abrigar no posto", relata o funcionário. O assaltante foi baleado, dominado e preso pelo PM Célio, enquanto os outros dois comparsas conseguiram fugir.

Conduzido ao Hospital e Maternidade São Lucas, o assaltante foi identificado como sendo Geison Batista dos Santos de 24 anos. Os policiais apuraram que ele era foragido de uma penitenciária agrícola do interior de São Paulo e estava sendo procurado pela Justiça.

Na troca de tiros vários projéteis atingiram a viatura da PM. Alguns objetos das vítimas foram recuperados, além de R$ 365 em dinheiro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Tiroteio e pânico em assalto a churrascaria

Evandro De Marco
Do Diário do Grande ABC

18/09/2008 | 07:11


Três homens armados invadiram um posto de gasolina e uma churrascaria situados na Rodovia Índio Tibiriçá, em Ribeirão Pires. Os assaltantes fizeram um refém e depois de trocar tiros com policiais militares, um deles foi baleado e preso; outros dois conseguiram fugir, levando dinheiro e pertences das vítimas.

No início da madrugada de ontem os assaltantes chegaram ao posto de gasolina, rendendo os frentistas e alguns clientes que entregaram dinheiro e objetos pessoais. A seguir, obrigaram um dos funcionários a abrir o cofre de onde levaram cerca de R$ 1.000.

Enquanto um dos assaltantes mantinha os frentistas sob a mira de revólver os outros dois invadiram a churrascaria, ao lado do posto, dominando fregueses e funcionários. "Eles chegaram e anunciaram o assalto exigindo a todos que colocassem celulares, bolsas e dinheiro sobre a mesa. Ficamos apavorados", disse uma bancária de 40 anos. Um jovem industrial que se servia foi obrigado a retornar à mesa e entregar sua carteira . "Por sorte, disse ele, o dinheiro estava no bolso e não na carteira".

Quando os assaltantes já se preparavam para deixar a churrascaria foram surpreendidos por uma viatura da PM que passava pelo local. Na tentativa de fuga um dos ladrões fez refém o frentista C.B.S. de 19 anos. "Ele com o revólver na minha cabeça gritava para os policiais que entregassem suas armas", disse o frentista.

Num momento de descuido o PM Roberto conseguiu sacar o revólver, dando início ao tiroteio. "Foi nesse momento que consegui correr e me abrigar no posto", relata o funcionário. O assaltante foi baleado, dominado e preso pelo PM Célio, enquanto os outros dois comparsas conseguiram fugir.

Conduzido ao Hospital e Maternidade São Lucas, o assaltante foi identificado como sendo Geison Batista dos Santos de 24 anos. Os policiais apuraram que ele era foragido de uma penitenciária agrícola do interior de São Paulo e estava sendo procurado pela Justiça.

Na troca de tiros vários projéteis atingiram a viatura da PM. Alguns objetos das vítimas foram recuperados, além de R$ 365 em dinheiro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;