Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Azulão mira fim do jejum
de vitórias diante do Icasa

No entanto, mesmo que vença o São Caetano seguirá na zona
de rebaixamento; no último jogo, equipe saiu de campo vaiada


Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

24/09/2011 | 07:28


Após espécie de intertemporada para ajustes em Águas de Lindóia, o São Caetano volta a campo hoje para enfrentar o Icasa, a partir das 16h20, no Anacleto Campanella, com a amarga tarefa de conquistar os três pontos e encerrar jejum de quatro jogos sem vitórias - três derrotas e um empate. No entanto, mesmo que vença o time da região seguirá na zona de rebaixamento. Chegará aos mesmos 28 pontos dos cearenses, mas ficará atrás nos critérios de desempate.

Na estreia do técnico Márcio Araújo, na rodada anterior, o Azulão não foi além do empate por 1 a 1 com o Americana e saiu de campo vaiado. Integrantes de torcidas organizadas prometem outros protestos caso a equipe não apresente bom futebol e conquiste a vitória. As manifestações, garantem, vão prosseguir até que o time deixe as últimas posições.

Por causa das cobranças, a diretoria do clube levou a equipe para o interior paulista com o objetivo de tirar a pressão sobre os jogadores, para que, de cabeça fresca, reencontrem o caminho das vitórias. Na próxima rodada, encara o lanterna Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

Neste segundo compromisso em casa, Márcio Araújo não contará com o volante Ricardo Conceição, suspenso. O goleiro Luiz reforça a equipe. O treinador não deu detalhes sobre se mexerá em alguma posição.

Com dores musculares, o meia Júnior Xuxa, que defendeu o Azulão no primeiro semestre, virou dúvida.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Azulão mira fim do jejum
de vitórias diante do Icasa

No entanto, mesmo que vença o São Caetano seguirá na zona
de rebaixamento; no último jogo, equipe saiu de campo vaiada

Marco Borba
Do Diário do Grande ABC

24/09/2011 | 07:28


Após espécie de intertemporada para ajustes em Águas de Lindóia, o São Caetano volta a campo hoje para enfrentar o Icasa, a partir das 16h20, no Anacleto Campanella, com a amarga tarefa de conquistar os três pontos e encerrar jejum de quatro jogos sem vitórias - três derrotas e um empate. No entanto, mesmo que vença o time da região seguirá na zona de rebaixamento. Chegará aos mesmos 28 pontos dos cearenses, mas ficará atrás nos critérios de desempate.

Na estreia do técnico Márcio Araújo, na rodada anterior, o Azulão não foi além do empate por 1 a 1 com o Americana e saiu de campo vaiado. Integrantes de torcidas organizadas prometem outros protestos caso a equipe não apresente bom futebol e conquiste a vitória. As manifestações, garantem, vão prosseguir até que o time deixe as últimas posições.

Por causa das cobranças, a diretoria do clube levou a equipe para o interior paulista com o objetivo de tirar a pressão sobre os jogadores, para que, de cabeça fresca, reencontrem o caminho das vitórias. Na próxima rodada, encara o lanterna Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.

Neste segundo compromisso em casa, Márcio Araújo não contará com o volante Ricardo Conceição, suspenso. O goleiro Luiz reforça a equipe. O treinador não deu detalhes sobre se mexerá em alguma posição.

Com dores musculares, o meia Júnior Xuxa, que defendeu o Azulão no primeiro semestre, virou dúvida.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;