Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Ônibus são depredados em SP; terminal está fechado


Do Diário OnLine

10/04/2003 | 10:59


Dois ônibus foram depredados na manhã quinta-feira em São Paulo, segundo informações da SPTrans. Um deles foi destruído na zona Sul e outro na zona Norte.

Além disso, o Terminal Cidade Tiradentes, na zona Leste da capital, permanece fechado, apesar do fim da greve de cobradores e motoristas de ônibus na terça-feira. A paralisação teve início na segunda-feira, depois de a Prefeitura de São Paulo suspender a licença de operação de várias empresas irregulares, incluindo todas que servem ao terminal de ônibus Tiradentes.

Até as 8h os carros da operação Paese (Plano de Apoio à Empresa em Situação de Emergência) não haviam sido liberados para operar.

Durante a greve geral de motoristas e cobradores, mais de cem veículos, entre municipais e intermunicipais, foram depredados por deixarem as garagens das empresas.

As viações que substituíram as nove empresas descredenciadas no sábado pela Prefeitura têm dificuldades para circular nesta quinta. Elas teriam sido ameaçadas por telefonemas anônimos, que prometiam mais depredações e grupos de sindicalistas impediriam a saída das garagens, informou a SPTrans.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ônibus são depredados em SP; terminal está fechado

Do Diário OnLine

10/04/2003 | 10:59


Dois ônibus foram depredados na manhã quinta-feira em São Paulo, segundo informações da SPTrans. Um deles foi destruído na zona Sul e outro na zona Norte.

Além disso, o Terminal Cidade Tiradentes, na zona Leste da capital, permanece fechado, apesar do fim da greve de cobradores e motoristas de ônibus na terça-feira. A paralisação teve início na segunda-feira, depois de a Prefeitura de São Paulo suspender a licença de operação de várias empresas irregulares, incluindo todas que servem ao terminal de ônibus Tiradentes.

Até as 8h os carros da operação Paese (Plano de Apoio à Empresa em Situação de Emergência) não haviam sido liberados para operar.

Durante a greve geral de motoristas e cobradores, mais de cem veículos, entre municipais e intermunicipais, foram depredados por deixarem as garagens das empresas.

As viações que substituíram as nove empresas descredenciadas no sábado pela Prefeitura têm dificuldades para circular nesta quinta. Elas teriam sido ameaçadas por telefonemas anônimos, que prometiam mais depredações e grupos de sindicalistas impediriam a saída das garagens, informou a SPTrans.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;