Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 1 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

Filme iraniano conquista Grande Prêmio do Festival de Montreal


Do Diário do Grande ABC

06/09/1999 | 21:20


O filme ``La coleur du paradis'' (A cor do paraíso), dirigido pelo iraniano Majid Majidi, conquistou nesta segunda-feira o Grande Prêmio das Américas do Festival de Cinema de Montreal, enquanto o espanhol Carlos Saura levou o prêmio de melhor contribuiçao artística.

``La couleur du paradis'', um filme comovedor sobre o universo particular de um menino cego, trata das difíceis relaçoes entre a criança e seu pai.

Saura levou o prêmio de melhor contribuiçao artística por ``Goya à Bordeaux'' (Goya em Bordeaux), onde o diretor revisa de maneira muito pessoal a obra e a vida do pintor.

O Grande Prêmio especial do juri- presidido este ano pela sueca Bibi Andersson, foi para ``Hors du monde'' (Fora do mundo), do italiano Giuseppe Picciioni, e para ``The minus man'' (O homem menor), do norte-americano Hampton Fancher.

Um jovem cineasta canadense, Louis Bélanger, obteve o Prêmio de Cenografia por ``Post Mortem'', seu primeiro longa-metragem sobre a história de um original encontro entre um funcionário de um necrotério e uma ladra.

Os prêmios de melhor interpretaçao feminina e masculina foram para Nina Hoss, por ``Le volcan'' (O vulcao), e Ken Takahura, por ``Poppoya''.

O Prêmio Especial do Festival foi entregue a Ettore Scola pelo conjunto de sua obra.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Filme iraniano conquista Grande Prêmio do Festival de Montreal

Do Diário do Grande ABC

06/09/1999 | 21:20


O filme ``La coleur du paradis'' (A cor do paraíso), dirigido pelo iraniano Majid Majidi, conquistou nesta segunda-feira o Grande Prêmio das Américas do Festival de Cinema de Montreal, enquanto o espanhol Carlos Saura levou o prêmio de melhor contribuiçao artística.

``La couleur du paradis'', um filme comovedor sobre o universo particular de um menino cego, trata das difíceis relaçoes entre a criança e seu pai.

Saura levou o prêmio de melhor contribuiçao artística por ``Goya à Bordeaux'' (Goya em Bordeaux), onde o diretor revisa de maneira muito pessoal a obra e a vida do pintor.

O Grande Prêmio especial do juri- presidido este ano pela sueca Bibi Andersson, foi para ``Hors du monde'' (Fora do mundo), do italiano Giuseppe Picciioni, e para ``The minus man'' (O homem menor), do norte-americano Hampton Fancher.

Um jovem cineasta canadense, Louis Bélanger, obteve o Prêmio de Cenografia por ``Post Mortem'', seu primeiro longa-metragem sobre a história de um original encontro entre um funcionário de um necrotério e uma ladra.

Os prêmios de melhor interpretaçao feminina e masculina foram para Nina Hoss, por ``Le volcan'' (O vulcao), e Ken Takahura, por ``Poppoya''.

O Prêmio Especial do Festival foi entregue a Ettore Scola pelo conjunto de sua obra.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;