Fechar
Publicidade

Sábado, 28 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Andreense lança livro e propõe forma leve de lidar com reveses

Estúdio 12A /Vinícius Paes Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Victor Hugo Felix dá vida a 13 personagens na sua terceira obra, ‘Triste História do Fim do Mundo’


Vinícius Castelli
Do Diário do Grande ABC

19/03/2021 | 00:01


Dilemas e dificuldades da vida, o peso que se dá para cada situação e a necessidade de respeitar os limites. São algumas das reflexões que propõe o escritor andreense Victor Hugo Felix, em sua terceira e nova obra,  Triste História do Fim do Mundo (Editora Penalux, 234 páginas, R$ 42). O livro, lançado no site www.editorapenalux.com.br conta a história de 13 pessoas da mesma família, que, de repente, se viram sozinhas, já que o restante da população do planeta morreu e ninguém sabe a razão. Como não bastasse, os animais desapareceram e o céu mudou de cor.

Ao longo das páginas, cada personagens lida com a vida de sua maneira, ou pela indiferença, pelo medo e até pela espera do fim. E precisam encarar seus caminhos lidando com inseguranças, sonhos e frustrações. 

O autor explica que a ideia do livro surgiu após vivenciar período difícil, entre os anos 2018 e 2019. “Fui de um momento em que estava bastante otimista com relação à vida. Tudo se perdeu. Fui de um extremo ao outro muito rápido”, diz.

Felix procurou ajuda profissional de psicóloga e conseguiu superar as dificuldades. Sua situação foi tão grave que em certo momento só via o fim de sua vida como saída. Durante o processo de cura e autoconhecimento, resolveu transformar todos aqueles momentos de dificuldade em lições de superação e fazer isso virar arte.

Os primeiros esboços surgiram em 2018, mas foram abandonados. No ano seguinte retomou o projeto com força total e, em abril de 2020, estava com a obra escrita. “O livro tem 13 personagens e cada um foi inspirado em uma parte da minha história, da minha personalidade. Minha terapeuta havia me trazido essa questão, de quando a gente escreve um livro, cria personagens, cada um é uma projeção de algo na gente”, diz.

Felix explica que sua ideia era que o livro trouxesse diversidade de emoções e que cada personagem tivesse algo único dentro dele. “Fui me apegando a pequenos trechos da minha personalidade para que eles tivessem cara mais marcante.”

Triste História do Fim do Mundo</CF> é um livro de esperança, garante o autor. Também para lidar com a vida e morte de forma leve. É esse diálogo que Feliz quer propor. “No livro eles não conseguem desviar das dificuldades, elas aparecem mesmo e vão ter que lidar, e entendendo quais são as limitações, até onde conseguem ir para fazer as coisas irem bem”, explica.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;