Fechar
Publicidade

Domingo, 23 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Pinheiro faz 5 trocas no secretariado

Orlando Filho 20/12/12 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Chefes de Saúde, Cultura, Esportes, Assistência
Social e Ouvidoria disputarão eleição


Júnior Carvalho
Do Diário do Grande ABC

02/04/2016 | 07:00


O prefeito de São Caetano, Paulo Pinheiro (PMDB), promoveu cinco trocas no secretariado com vistas às eleições de outubro. Os secretários Andreia Neves (PMDB, Assistência Social), José Quesada (PMDB, Ouvidoria), Jander Lira (PP, Cultura), Severo Neto (Pros, Esportes) e Jesus Gutierrez (PRB, Saúde) vão disputar cadeira no Legislativo e terão de deixar a administração, em cumprimento à legislação eleitoral. Porém, nem todos os substitutos foram escolhidos.

Oficialmente, ao menos dois novos secretários já foram indicados, ambos de perfil técnico. Para o lugar de Severo em Esportes, o prefeito indicou Benta Apone. Ela é servidora de longa data da Pasta, profissional da área de esportes e sempre atuou como braço-direito de todos os secretários que passaram pelo setor. Severo foi eleito vereador pelo PSB e estava licenciado do Legislativo. Retorna agora à Casa pelo Pros, por onde disputará a reeleição. A cadeira do parlamentar estava sendo ocupada pelo primeiro suplente do PSB Maurício Fernandes, que disputará o pleito deste ano pelo DEM.

Para substituir Quesada, o Paço nomeou Hélcio Franchi. O peemedebista não foi eleito no pleito passado, mas como suplente chegou a assumir mandato com a licença do vereador Eder Xavier (ex-PCdoB, hoje Pros) – Eder deixou a Câmara para comandar a Pasta de Esportes, entre o fim de 2013 e o começo de 2014. A nomeação de Hélcio e de Benta foram oficializadas ontem, no Diário Oficial.

Já para a Pasta da Saúde, cogitou-se durante todo o dia de ontem o nome do médico Silvio Martinez, que foi diretor clínico do Hospital São Caetano. O governo, entretanto, não confirmou se ele substituirá Jesus Gutierrez. A administração também não informou quem serão os novos secretários de Assistência Social e de Cultura. Para a primeira Pasta, ventilou-se o nome de Mário Chekin, que foi secretário de Saúde no começo da gestão, deixou o governo e voltou em novembro como assessor do gabinete do prefeito. Fora da chefia de Cultura, Jander disputou o pleito de 2012 pelo PMDB, mas não foi eleito – recebeu 580 votos.

A saída dos secretários ocorre em respeito à Lei Eleitoral, que determina que integrantes do primeiro escalão dos governos que tenham intenção em disputar a eleição se desincompatibilizem de seus cargos até seis meses antes do pleito, ou seja, até hoje – a eleição municipal está agendada para o dia 2 de outubro.

O núcleo duro do governo Pinheiro conta com, pelo menos, a reeleição de Severo. Depois de perder apoio do PSD e do PSB, que migrou para o campo oposicionista liderado pelo ex-prefeito José Auricchio Júnior (PSDB), o governo teve de redesenhar a chapa de candidatos a vereador e abrigar todos os pleiteantes em partidos nanicos que apoiarão a reeleição de Pinheiro.

Nessa conjuntura, inflou o PMDB com mais dois vereadores (Sidão da Padaria e Pio Mielo). A sigla já conta com os parlamentares Roberto do Proerd e José Roberto Xavier, além de ter a ex-vereadora Sueli Nogueira na chapa.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;