Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 3 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Palmeiras faz 3 a 1 no Tuna e elimina jogo de volta


Do Diário OnLine

05/02/2004 | 01:18


Missão cumprida. O Palmeiras venceu o Tuna Luso por 3 a 1, nesta quinta-feira à noite, no estádio Mangueirão (Belém), e já garantiu a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil. Beneficiado pela vantagem de dois gols, o Palmeiras eliminou a necessidade da partida de volta e apenas espera seu adversário na próxima etapa: São Gabriel (RS) ou Figuierense (SC) – no jogo de ida, no Rio Grande do Sul, o placar acabou em 2 a 2.

Além da boa vitória fora de casa, a torcida palmeirense tem mais um motivo para comemorar. A diretoria acertou nesta quarta-feira a contratação do zagueiro André Bahia, ex-Flamengo. O jogador deverá fazer exames médicos nesta quinta-feira. A apresentação é esperada para sexta-feira.

O Palmeiras vez valer sua condição de 'time grande' e dominou o Tuna Luso desde o início da partida. O técnico Jair Picerni assistiu outra vez à uma enxurrada de boas chances de gol desperdiçadas pelo ataque palmeirense. Ainda assim houve espaço para Vágner Love (duas vezes) e Muñoz garantirem a classificação direta do Verdão à segunda fase.

O zagueiro Nen, que substituiu Leonardo (contundido), perdeu a primeira oportunidade, aos 3 minutos. Ele cabeceou no canto direito e obrigou o goleiro André Luís a uma defesa parcial. Gláuber ainda desperdiçou o rebote.

O jogo estava fácil para o Palmeiras, pois o Tuna Luso pouco ameaçava a defesa alviverde. Quando forçava no ataque, o time visitante criava chances. Como aos 34, quando Vágner chutou na trave esquerda, após drible desconcertante sobre Edson. Aos 43 minutos, Vágner Love aproveitou cruzamento de Lúcio na área e abriu o placar.

O Tuna Luso aproveitou a acomodação do Palmeiras e começou melhor na segunda etapa, conseguindo o empate num lance de bola parada. Aos 12, o zagueiro Tarubá aproveitou levantamento da esquerda e cabeceou livre de marcação. Marcos não teve nem chance de evitar o gol.

A igualdade no placar obrigou o Palmeiras a 'despertar' na partida. Aos 27, Lúcio fez outra boa investida ao ataque pela esquerda e cruzou na área. Vágner se antecipou ao goleiro André Luís e conferiu de cabeça, fazendo 2 a 1. Dez minutos mais tarde, em nova jogada que contou com a participação de Lúcio, Muñoz chutou cruzado no canto esquerdo de André Luís e cravou 3 a 1.

O Palmeiras só não engatou uma goleada no Tuna Luso porque Muñoz voltou a pecar – e muito – na pontaria. O colombiano ainda perdeu duas oportunidades gritantes de gol antes de o árbitro trilar o apito final. Sorte que a classificação já estava garantida.

O próximo jogo do Palmeiras será no domingo, pelo Campeonato Paulista. O alviverde recebe o Guarani, no Palestra Itália, às 17h.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;