Política

Cerca de 2.000 pessoas passaram pelo velório em adeus a Ramon Ramos


Sob comoção de familiares e da classe política, o corpo do presidente do Legislativo de São Bernardo, Ramon Ramos (PDT), foi velado durante toda a tarde na Câmara. Aproximadamente 2.000 pessoas passaram pelo local para dar adeus ao vereador.

O prefeito Orlando Morando (PSDB) e a deputada estadual Carla Morando (PSDB) acompanharam o velório e o enterro. O ex-prefeito Luiz Marinho (PT), os deputados estaduais Coronel Nishikawa (PSL) e Teonilio Barba (PT), o deputado federal Alex Manente (Cidadania), o prefeito de São Caetano José Auricchio Júnior (PSDB), entre outros, também compareceram.

Praticamente todos os vereadores estiveram na cerimônia, inclusive os da oposição, e o sentimento era o de incredulidade e de tristeza pela perda do colega de trabalho. “Quando fiquei sabendo pela manhã, eu não acreditei. Até achei que poderia ser um boato”, afirmou a vereadora Ana Nice (PT), que falou com Ramon na sexta feira, por mensagem, sobre a próxima sessão. “É muito triste. A gente fica até sem palavras no momento.”

O vice-presidente da Câmara, Toninho Tavares (PSDB), afirmou que a perda de Ramon é irreparável para São Bernardo. “Era um cidadão muito respeitoso e uma pessoa que levava e carregava o bastão dele como presidente da Câmara da melhor maneira possível. Um cidadão agregador.”

Bastante emocionado, o ex-presidente da Câmara e atual líder do governo na casa, Pery Cartola (PSDB), lamentou a perda do amigo de infância. “Fizemos uma grande dupla, eu como presidente e ele como líder e agora ele como presidente e eu como líder. Foi um grande pai, um grande amigo e um grande líder político. Não teremos como substituí-lo. Vamos ter que viver com essa perda irreparável.”

"Ele era uma pessoa com boas ideias e novas práticas. Estávamos numa sintonia muito boa”, disse o presidente da Câmara de Santo André, Pedrinho Botaro (PSDB).

O caixão de Ramon, com a bandeira do time de futebol amador Nacional da Vila Vivaldi, foi transportado até o Cemitério da Pauliceia em carro do Corpo de Bombeiros, em cortejo fúnebre. Houve salva de palmas no momento em que ele foi colocado no caminhão, o que se repetiu no enterro. 

Comentários


Veja Também


Cerca de 2.000 pessoas passaram pelo velório em adeus a Ramon Ramos

Sob comoção de familiares e da classe política, o corpo do presidente do Legislativo de São Bernardo, Ramon Ramos (PDT), foi velado durante toda a tarde na Câmara. Aproximadamente 2.000 pessoas passaram pelo local para dar adeus ao vereador.

O prefeito Orlando Morando (PSDB) e a deputada ...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar