Fechar
Publicidade

Sábado, 15 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Sede da Prometeon muda para Sto.André

André Henriques/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Unidade do bairro Homero Thon passa a concentrar decisões de toda a América Latina


Tauana Marin
Do Diário do Grande ABC

10/07/2020 | 00:01


O gerenciamento e as decisões referentes às operações da Prometeon (antiga Pirelli, fundada no fim da década de 1940) em toda a América Latina estão, a partir de agora, concentradas em Santo André. Antes instalada na Capital, onde permaneceu por quatro anos, a sede administrativa está localizada na sua unidade fabril da região. Com 100% do corpo diretivo da companhia alocado na cidade, a unidade passa de 2.500 para 2.700 colaboradores.

De acordo com o CEO para as Américas da companhia, Eduardo Fonseca, a decisão de se instalarem em Santo André foi motivada para otimizar o negócio. “Buscamos aumentar a integração com a proximidade entre as áreas comercial, financeira, logística, industrial e de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento). Além disso, Santo André oferece a mesma infraestrutura de São Paulo e a empresa, como um todo, já possui histórico na cidade (onde está há 60 anos)”, disse o executivo, que assumiu o cargo há 40 dias e capitaneou a iniciativa. Além da planta no bairro Homero Thon, existe outra unidade operacional em Gravataí (Rio Grande do Sul).

A decisão ocorre no mesmo ano em que a sede da Ford, em São Bernardo, fez o caminho contrário e foi transferida para a Capital, após o encerramento de suas operações em 2019.

Ainda segundo Fonseca, a mudança, por ser algo novo, está fora do investimento anunciado em agosto de 2017, quando a empresa divulgou aporte de R$ 80 milhões em Santo André, além da conclusão de investimento de R$ 30 milhões na linha agrícola, totalizando R$ 110 milhões injetados na planta da região, que fabrica pneumáticos agrícolas (60%) e pesados (40%). O CEO, no entanto, não revelou o valor do novo aporte, que deverá contemplar também centro logístico.

Márcio Ferreira, presidente do Sindicato dos Borracheiros da Grande São Paulo, conta que há três anos a empresa vem desenvolvendo, junto com a entidade, alternativas para que investimento, contratações e expansão das atividades aconteçam. “É um trabalho que não surge de um dia para outro. Nesse período foram feitos acordos de trabalho de tal modo que não houvesse dispensas e que mais trabalhadores fossem contratados. E, em um momento como este, de pandemia, uma multinacional que, além de não demitir, ainda expande seus negócios na cidade é algo de grande impacto.” O sindicalista completa dizendo que a qualidade da mão de obra em Santo André é um diferencial. “Esses trabalhadores foram muito bem treinados ainda quando a empresa era a Pirelli.”

Fonseca esclarece que, no atual momento, contratações não fazem parte dos planos, no entanto, a companhia segue com a modernização do complexo industrial. “A Prometeon veio acompanhando de perto e, diariamente, os desdobramentos do novo coronavírus no Brasil e seu impacto na economia do País. Desde o início da pandemia, a empresa vem realizando série de ações com o objetivo de tentar mitigar esses impactos e preservar o emprego de seus colaboradores, como a suspensão temporária da produção nas suas duas fábricas brasileiras, entre os meses de março e abril, e também a redução da jornada dos seus colaboradores e férias coletivas, medidas de acordo e autorizadas com a MP 936.”

Na avaliação do prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), o anúncio da mudança da presidência da América Latina para a cidade é sinal “muito importante de que a cidade está no caminho certo da geração de empregos e da recuperação da credibilidade”. “Um grupo como o Prometeon, antiga Pirelli, se restabelecer de maneira definitiva em Santo André é motivo de muita alegria, ainda mais neste momento de crise que a economia mundial vive. Com esse anúncio, o pós-Covid-19 e as crises que a gente estava esperando podem ser menores”, completa.

Segundo Paulo Serra, a Prefeitura tem feito várias ações no sentido de desburocratizar, facilitar a vida de empreendedor e atrair investimentos para a cidade. Não apenas no ajuste das contas públicas, mas de retomada de crédito, assim como a capacidade de investimento. “Exemplo é o parque tecnológico, que tiramos do papel no fim do ano passado. Hoje já são mais de 100 serviços oferecidos e a Prometeon faz parte desse complexo com o centro de inovação por meio dos pneus agro”, assinalou.

DOAÇÃO - A Prometeon fez doação de 100 pneus agro para caminhões e outras máquinas (como tratores e escavadeiras) que realizam grandes intervenções na cidade, ou seja, são utilizados para a zeladoria do município. A empresa também doou kits médicos para hospitais de campanha, por exemplo.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sede da Prometeon muda para Sto.André

Unidade do bairro Homero Thon passa a concentrar decisões de toda a América Latina

Tauana Marin
Do Diário do Grande ABC

10/07/2020 | 00:01


O gerenciamento e as decisões referentes às operações da Prometeon (antiga Pirelli, fundada no fim da década de 1940) em toda a América Latina estão, a partir de agora, concentradas em Santo André. Antes instalada na Capital, onde permaneceu por quatro anos, a sede administrativa está localizada na sua unidade fabril da região. Com 100% do corpo diretivo da companhia alocado na cidade, a unidade passa de 2.500 para 2.700 colaboradores.

De acordo com o CEO para as Américas da companhia, Eduardo Fonseca, a decisão de se instalarem em Santo André foi motivada para otimizar o negócio. “Buscamos aumentar a integração com a proximidade entre as áreas comercial, financeira, logística, industrial e de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento). Além disso, Santo André oferece a mesma infraestrutura de São Paulo e a empresa, como um todo, já possui histórico na cidade (onde está há 60 anos)”, disse o executivo, que assumiu o cargo há 40 dias e capitaneou a iniciativa. Além da planta no bairro Homero Thon, existe outra unidade operacional em Gravataí (Rio Grande do Sul).

A decisão ocorre no mesmo ano em que a sede da Ford, em São Bernardo, fez o caminho contrário e foi transferida para a Capital, após o encerramento de suas operações em 2019.

Ainda segundo Fonseca, a mudança, por ser algo novo, está fora do investimento anunciado em agosto de 2017, quando a empresa divulgou aporte de R$ 80 milhões em Santo André, além da conclusão de investimento de R$ 30 milhões na linha agrícola, totalizando R$ 110 milhões injetados na planta da região, que fabrica pneumáticos agrícolas (60%) e pesados (40%). O CEO, no entanto, não revelou o valor do novo aporte, que deverá contemplar também centro logístico.

Márcio Ferreira, presidente do Sindicato dos Borracheiros da Grande São Paulo, conta que há três anos a empresa vem desenvolvendo, junto com a entidade, alternativas para que investimento, contratações e expansão das atividades aconteçam. “É um trabalho que não surge de um dia para outro. Nesse período foram feitos acordos de trabalho de tal modo que não houvesse dispensas e que mais trabalhadores fossem contratados. E, em um momento como este, de pandemia, uma multinacional que, além de não demitir, ainda expande seus negócios na cidade é algo de grande impacto.” O sindicalista completa dizendo que a qualidade da mão de obra em Santo André é um diferencial. “Esses trabalhadores foram muito bem treinados ainda quando a empresa era a Pirelli.”

Fonseca esclarece que, no atual momento, contratações não fazem parte dos planos, no entanto, a companhia segue com a modernização do complexo industrial. “A Prometeon veio acompanhando de perto e, diariamente, os desdobramentos do novo coronavírus no Brasil e seu impacto na economia do País. Desde o início da pandemia, a empresa vem realizando série de ações com o objetivo de tentar mitigar esses impactos e preservar o emprego de seus colaboradores, como a suspensão temporária da produção nas suas duas fábricas brasileiras, entre os meses de março e abril, e também a redução da jornada dos seus colaboradores e férias coletivas, medidas de acordo e autorizadas com a MP 936.”

Na avaliação do prefeito de Santo André, Paulo Serra (PSDB), o anúncio da mudança da presidência da América Latina para a cidade é sinal “muito importante de que a cidade está no caminho certo da geração de empregos e da recuperação da credibilidade”. “Um grupo como o Prometeon, antiga Pirelli, se restabelecer de maneira definitiva em Santo André é motivo de muita alegria, ainda mais neste momento de crise que a economia mundial vive. Com esse anúncio, o pós-Covid-19 e as crises que a gente estava esperando podem ser menores”, completa.

Segundo Paulo Serra, a Prefeitura tem feito várias ações no sentido de desburocratizar, facilitar a vida de empreendedor e atrair investimentos para a cidade. Não apenas no ajuste das contas públicas, mas de retomada de crédito, assim como a capacidade de investimento. “Exemplo é o parque tecnológico, que tiramos do papel no fim do ano passado. Hoje já são mais de 100 serviços oferecidos e a Prometeon faz parte desse complexo com o centro de inovação por meio dos pneus agro”, assinalou.

DOAÇÃO - A Prometeon fez doação de 100 pneus agro para caminhões e outras máquinas (como tratores e escavadeiras) que realizam grandes intervenções na cidade, ou seja, são utilizados para a zeladoria do município. A empresa também doou kits médicos para hospitais de campanha, por exemplo.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;