Fechar
Publicidade

Domingo, 26 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Caio Júnior compara seqüência do Verdão à Copa do Mundo


Das Agências

26/09/2007 | 07:28


Das 11 partidas que faltam para o Palmeiras encerrar a sua participação no Brasileiro, seis serão realizadas no Palestra Itália (Náutico, Grêmio, Paraná, Juventude, Fluminense e Atlético-MG). Ou seja, se vencer todos os rivais em casa, a equipe somará 18 pontos e estará garantida na Copa Libertadores do ano que vem.

"Vamos disputar uma espécie de Copa do Mundo nessas 11 partidas. Mas o foco é sempre o próximo jogo e já estamos pensando no América-RN, o adversário de domingo", explica o técnico Caio Júnior.

Em um primeiro momento, a idéia é vencer os dois próximos jogos que tem pela frente – depois do América-RN, o Palmeiras encara o Náutico.

"Temos a obrigação de vencer estes jogos. O objetivo é classificar o Palmeiras para a Libertadores e os seis pontos serão fundamentais", disse David.

O zagueiro palmeirense, no entanto, não relaciona a obrigatoriedade pelas vitórias ao fato de os dois adversários estarem na parte de baixo da tabela.

"O América está em situação complicada, vai ser um jogo difícil, mas a obrigação da vitória é pelo nosso objetivo. O jogo contra o Náutico vai ser no nosso estádio e temos de vencer porque não podemos perder pontos em casa", explica David.

O meia-atacante Caio concorda com o companheiro. Para ele, o pensamento não pode ser outro senão a vitória nestes confrontos. "Temos de ter uma seqüência de vitórias, precisamos continuar conquistando resultados positivos".


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;