Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 5 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

dmais@dgabc.com.br | 4435-8396

Projeto de aluna é selecionado para a assembleia legislativa


Do Diário do Grande ABC

16/11/2014 | 07:00


Maria Eduarda Assis, 14 anos, de São Paulo, acredita que todos os jovens merecem aprender outra língua para ter um bom emprego no futuro. Por isso, criou um projeto de lei para concorrer ao Parlamento Jovem Paulista. Sua ideia foi escolhida e, agora, a jovem espera saber se a proposta será apoiada pelos parlamentares ou não. 

A estudante sugere que as escolas de idiomas reservem 10% de vagas com bolsas de estudos para alunos de escola pública. “Acredito que sem essa matéria mais aprofundada, as pessoas não vão ter tanta experiência para arrumar um emprego. E não conseguir um emprego porque não teve chance de ter essa educação é segregação financeira.”

Quem a ajudou a elaborar o projeto foi o professor de Geografia e a mãe. “Ela fez com que a ideia se tornasse mais clara para mim.” 

Maria Eduarda está feliz com a própria iniciativa, mas acredita que todos precisam ajudar. “Política ainda é meio que tabu na sociedade. Só associam ao voto. Mas, se cada um contribuísse com algo, estaríamos bem melhor hoje.”

Para a garota, todos precisam se envolver. “Você não pode ser hipócrita. Precisa contribuir pelo menos com sua parte. Se cada um lutar pelo que acredita, é um jeito de ajudar.”



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Projeto de aluna é selecionado para a assembleia legislativa

Do Diário do Grande ABC

16/11/2014 | 07:00


Maria Eduarda Assis, 14 anos, de São Paulo, acredita que todos os jovens merecem aprender outra língua para ter um bom emprego no futuro. Por isso, criou um projeto de lei para concorrer ao Parlamento Jovem Paulista. Sua ideia foi escolhida e, agora, a jovem espera saber se a proposta será apoiada pelos parlamentares ou não. 

A estudante sugere que as escolas de idiomas reservem 10% de vagas com bolsas de estudos para alunos de escola pública. “Acredito que sem essa matéria mais aprofundada, as pessoas não vão ter tanta experiência para arrumar um emprego. E não conseguir um emprego porque não teve chance de ter essa educação é segregação financeira.”

Quem a ajudou a elaborar o projeto foi o professor de Geografia e a mãe. “Ela fez com que a ideia se tornasse mais clara para mim.” 

Maria Eduarda está feliz com a própria iniciativa, mas acredita que todos precisam ajudar. “Política ainda é meio que tabu na sociedade. Só associam ao voto. Mas, se cada um contribuísse com algo, estaríamos bem melhor hoje.”

Para a garota, todos precisam se envolver. “Você não pode ser hipócrita. Precisa contribuir pelo menos com sua parte. Se cada um lutar pelo que acredita, é um jeito de ajudar.”

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;