Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 4 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Auxiliar de enfermagem e filha são feitas reféns por assaltante


Fabiana Chiachiri
Do Diário do Grande ABC

25/11/2008 | 07:03


A auxiliar de enfermagem M.A.M.M., 27 anos, e a filha de 6 ficaram reféns de um assaltante, ontem, por cerca de 40 minutos no bairro Vila Palmares, em Santo André.

Por volta das 6h20, M. saiu de casa, na Vila Alice, para levar sua filha a escola. Quando desceu do carro, um Uno preto, para fechar o portão, foi surpreendida por Wilson Santana da Graça, 21 anos. Armado com um revólver, ele teria entrado no carro e ordenado que ela dirigisse. Após rodar por cerca de 40 minutos com mãe e filha no carro em busca de caixas eletrônicos, Graça mandou a vítima encostar próximo a uma oficina para pegar ferramentas para retirar o rádio do veículo. Depois, saiu e ordenou que M. fosse embora. "Dei uma volta no quarteirão e liguei para a polícia. Como estava muito nervosa, voltei ao mesmo local que deixei o ladrão", conta M. Ela disse que Graça viu o carro e entrou novamente. "Nessa hora, avistei uma viatura pelo retrovisor do carro. Desci correndo e peguei minha filha", contou a auxiliar de enfermagem.

Na esquina da Avenida Palmares com a Rua Afonsina, soldados da 2ª Companhia do 10º Batalhão da Polícia Militar perceberam a movimentação e deram voz de prisão a Graça Segundo a polícia, Graça tem passagem por vários furtos e ficou preso até setembro no CDP (Centro de Detenção Provisória) de Santo André.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Auxiliar de enfermagem e filha são feitas reféns por assaltante

Fabiana Chiachiri
Do Diário do Grande ABC

25/11/2008 | 07:03


A auxiliar de enfermagem M.A.M.M., 27 anos, e a filha de 6 ficaram reféns de um assaltante, ontem, por cerca de 40 minutos no bairro Vila Palmares, em Santo André.

Por volta das 6h20, M. saiu de casa, na Vila Alice, para levar sua filha a escola. Quando desceu do carro, um Uno preto, para fechar o portão, foi surpreendida por Wilson Santana da Graça, 21 anos. Armado com um revólver, ele teria entrado no carro e ordenado que ela dirigisse. Após rodar por cerca de 40 minutos com mãe e filha no carro em busca de caixas eletrônicos, Graça mandou a vítima encostar próximo a uma oficina para pegar ferramentas para retirar o rádio do veículo. Depois, saiu e ordenou que M. fosse embora. "Dei uma volta no quarteirão e liguei para a polícia. Como estava muito nervosa, voltei ao mesmo local que deixei o ladrão", conta M. Ela disse que Graça viu o carro e entrou novamente. "Nessa hora, avistei uma viatura pelo retrovisor do carro. Desci correndo e peguei minha filha", contou a auxiliar de enfermagem.

Na esquina da Avenida Palmares com a Rua Afonsina, soldados da 2ª Companhia do 10º Batalhão da Polícia Militar perceberam a movimentação e deram voz de prisão a Graça Segundo a polícia, Graça tem passagem por vários furtos e ficou preso até setembro no CDP (Centro de Detenção Provisória) de Santo André.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;