Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 9 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

São Bernardo suspende estágios
de estudantes de curso de medicina

Celso Luiz/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

03/07/2021 | 05:35


Estudantes do curso de medicina da Uninove, no campus de São Bernardo, reclamam que desde maio não podem mais realizar estágios na rede de saúde do município. O curso foi aberto em 2017, no âmbito do programa Mais Médicos, e o estágio na rede de saúde da cidade está previsto na formação dos profissionais.

A presidente do Centro Acadêmico de Medicina da Uninove, Letícia Prado Malta, 25 anos, explicou que os estágios estavam sendo realizados até março de 2020, quando começou a pandemia de Covid-19. Depois disso, foram suspensos a pedido da administração municipal, sob alegação de que, com o aumento da demanda ocasionada pelos casos de contaminação pelo novo coronavírus, as unidades de saúde não comportariam os alunos.

Letícia questiona a afirmação e destaca que outras instituições de ensino, como a FMABC (Faculdade de Medicina do ABC) e a Faculdade de Medicina da USCS (Universidade Municipal de São Caetano) não suspenderam os estágios. “Estamos tendo que nos deslocar para São Paulo ou outras cidades, porque aqui em São Bernardo não podemos estagiar”, afirmou Letícia. “Uma situação bem difícil para nós, alunos, e para a população em geral, que perde por não ter a faculdade atuante na região”, completou.

A presidente do centro acadêmico destacou que no próximo semestre haverá turmas de internos na faculdade (alunos dos dois últimos anos do curso) e que praticamente 80% do internato é feito em estágios na rede de saúde. “Não sabemos se São Bernardo vai liberar para eles também. Está tudo muito incerto por enquanto”, concluiu.
A mãe de um aluno, que não quis se identificar, afirmou que o campus de São Bernardo está fechado e aparentemente sendo esvaziado. Afirmou que os alunos temem que o curso seja transferido para outra cidade e que muitos estudantes vieram do Interior para morar aqui e cursar medicina. “Agora estão gastando com transporte até São Paulo”, reclamou a mãe.

A assessoria de imprensa da Uninove informou que possui contrato de prestação de serviços educacionais com todos os seus alunos. Que, além disso, também possui contrato com a municipalidade de São Bernardo. “Vale mencionar que a Uninove cumpre com todas as suas obrigações e os alunos realizam atividades práticas, previstas na matriz curricular”, completou a nota.

A Prefeitura de São Bernardo informou que os estudantes do internato dos cursos de medicina já retomaram os programas de estágio na rede municipal de saúde, inclusive, com todos os alunos vacinados contra a Covid-19. A administração segue o Plano São Paulo do governo do Estado para combate à Covid-19, que no momento mantém suspensas as aulas presenciais em universidades. A presidente do centro acadêmico negou que os estágios tenham sido retomados. O Ministério da Saúde informou que o assunto deveria ser tratado com o MEC (Ministério da Educação). O MEC não respondeu até o fechamento desta edição. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;