Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 15 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

CPTM opera com velocidade reduzida

Obras de manutenção em cinco linhas do sistema resultou em maior intervalo entre os trens


Aline Melo
Do Diário do Grande ABC

10/07/2019 | 07:00


A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) aproveitou o feriado prolongado de ontem – quando se comemorou a Revolução Constitucionalista de 1932 – para realizar obras em algumas linhas, com alteração nos intervalos entre os trens e circulação com velocidade reduzida.

No caso da Linha 10-Turquesa (Brás-Rio Grande da Serra), que atende o Grande ABC, os trabalhos, iniciados às 4h, seguiram até às 19h entre as estações Mooca e Tamanduateí, na Capital. Por conta disso, o intervalo médio entre os trens foi de 17 minutos.

Os passageiros da região foram pegos de surpresa com as mudanças, mas os transtornos foram minimizados pelo menor movimento devido ao feriado. “Esperei muito para pegar o trem no Brás”, reclamou o pastor Miguel Fernandez, 70 anos. “O bom é que estava só passeando”, completou.

O segurança Antonio Cordeiro, 50, embarcou, na Estação Prefeito Celso Daniel, no Centro de Santo André, para o trabalho, na Capital, e só não se atrasou porque saiu de casa com antecedência. “Se não estivesse adiantado, teria problemas”, declarou.

Também foram realizadas obras de modernização em outras quatro linhas do sistema. Na Linha 7-Rubi (Luz-Francisco Morato-Jundiaí) o intervalo médio entre os trens ficou em 25 minutos. Na Linha 9-Esmeralda (Grajaú – Osasco) o tempo entre as partidas foi de 24 minutos. Na Linha 11-Coral (Luz – Estudantes), o intervalo médio dos trens foi de 12 minutos entre Luz e Brás e de 30 minutos entre Brás e Estudantes. Já na Linha 12-Safira (Brás – Calmon Viana) o período médio entre os trens ficou em 25 minutos.

RENOVAÇÃO
O Diário mostrou, na edição de ontem, que a CPTM antecipou a modernização de parte dos trens da Linha 10-Turquesa, entre o Brás, na Capital, e Rio Grande da Serra. A troca das composições 2.100 (produzidas de 1974 a 1977) pelos modelos 7.000 (fabricados em 2009), remanejados das linhas 9-Esmeralda, 11-Coral e 12-Safira, estava prevista para ocorrer hoje, mas foi flagrada pela equipe do Diário entre domingo e segunda-feira. A ação confirma o anúncio feito na semana passada pelo governador do Estado, João Doria (PSDB). 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;