Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

CAT procura profissionais para postos de difícil colocação


Do Diário do Grande ABC

28/07/2008 | 07:01


O CAT (Centro de Apoio ao Trabalhador) dá início hoje à tarefa de encontrar profissionais para preencher 233 vagas de trabalho em áreas bastante específicas e que, por esta razão, são consideradas de difícil colocação.

Do total de postos anunciados, 61 são para cartazeiros (pessoas que escrevem em cartazes promocionais de supermercados e lojas), 54 para jardineiros, 34 para copeiros, 22 para açougueiros, 19 para ajudantes de pedreiros, 17 para padeiros, 14 para peixeiros, nove para auxiliares de confeiteiros, dois para lancheiros e um para auxiliar de doceiro.

Segundo informações do CAT, os candidatos à vaga de cartazeiro devem dominar técnicas de desenho e escrita. Para os interessados na função de açougueiro exige-se conhecimento dos diversos tipos de carne e seus respectivos cortes, e quem deseja atuar como peixeiro deve conhecer frutos do mar e seus respectivos cortes.

Para as funções de padeiro, confeiteiro, doceiro, lancheiro e jardineiro são necessários cursos de especialização. Os salários variam conforme as vagas e em todos os casos é preciso ter seis meses de experiência, no mínimo.

Os interessados devem comparecer na unidade do CAT localizada na Rua Prestes Maia, 913, Luz, em São Paulo.

REGIÃO - O CEAT (Centro de Atendimento ao Trabalhador) oferece seis vagas na função de eletricista de manutenção para trabalhar em Mauá e outras quatro para montador de equipamentos elétricos para São Caetano.

Nos dois casos é exigido seis meses de experiência, primeiro grau completo e idades entre 25 e 40 anos (eletricista) e entre 18 e 50 (montador). O CEAT fica na Rua Dr. Almeida Lima, 900, próximo ao Metrô Bresser.



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;