Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 30 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Paulo Pinheiro atende mulher infartada

Último dia de campanha do prefeiturável do PMDB é marcado por socorro médico


Gustavo Pinchiaro
Do Diário do Grande ABC

07/10/2012 | 07:00


O prefeiturável de São Caetano do PMDB, vereador Paulo Pinheiro, encerrou a campanha eleitoral com atendimento médico a uma senhora vítima de infarto, que foi encaminhada para o pronto socorro central. O peemedebista interrompeu a última carreata, que percorreu todos os bairros da cidade, para prestar atendimento.

Quando a comitiva do candidato chegou ao bairro Cerâmica, parentes da vítima acenaram e pediram ajuda. Correndo, Pinheiro chegou até a vítima, alertou sobre o infarto e informou que seria necessário encaminhá-la a um hospital. O ortopedista Jesus Gutierrez (PTB) acompanhou a família até a unidade. "Foi um infarto agudo do miocárdio, a situação era complicada."

 

CARREATA

Em tom de vitória antecipada, a carreata peemedebista teve início às 15h e encerrou às 20h. A todo o momento o locutor Wilson Caboclo agradeceu à população pela "preferência", lembrou que o prefeiturável é líder nas pesquisas eleitorais e criticava o atual prefeito, José Auricchio Júnior (PTB). "Dia 7 de outubro é a vitória do prefeito do povo de São Caetano. Vamos hastear a bandeira da paz."

Apesar de ser o protagonista do ato, Pinheiro não fez uso do microfone. Ele ficou posicionado em caminhão menor preparado com cobertura ao lado de sua vice, Lucia Dal'Mas, e de sua mulher, Graça. A voz do candidato só foi ouvida quando o locutor interrompia a fala e uma gravação do prefeiturável reclamando do "baixíssimo" nível da campanha ganhava espaço. Bandeiras específicas para vidro de carros com publicidade peemedebista foram atiradas a populares por todo o percurso.

"A carreata não cantou vitória, foi para acabar com os boatos de que estou doente e desisti da candidatura. Mostrei o meu vigor nas ruas", comentou Pinheiro, que relacionou a boatos a oscilação negativa da pesquisa do Diário, em que ele foi de 52,6% para 49,9% e sua adversária, Regina Maura Zetone (PTB), de 32,6% para 35,4%. "Sempre me preocupo em me manter na frente."



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Paulo Pinheiro atende mulher infartada

Último dia de campanha do prefeiturável do PMDB é marcado por socorro médico

Gustavo Pinchiaro
Do Diário do Grande ABC

07/10/2012 | 07:00


O prefeiturável de São Caetano do PMDB, vereador Paulo Pinheiro, encerrou a campanha eleitoral com atendimento médico a uma senhora vítima de infarto, que foi encaminhada para o pronto socorro central. O peemedebista interrompeu a última carreata, que percorreu todos os bairros da cidade, para prestar atendimento.

Quando a comitiva do candidato chegou ao bairro Cerâmica, parentes da vítima acenaram e pediram ajuda. Correndo, Pinheiro chegou até a vítima, alertou sobre o infarto e informou que seria necessário encaminhá-la a um hospital. O ortopedista Jesus Gutierrez (PTB) acompanhou a família até a unidade. "Foi um infarto agudo do miocárdio, a situação era complicada."

 

CARREATA

Em tom de vitória antecipada, a carreata peemedebista teve início às 15h e encerrou às 20h. A todo o momento o locutor Wilson Caboclo agradeceu à população pela "preferência", lembrou que o prefeiturável é líder nas pesquisas eleitorais e criticava o atual prefeito, José Auricchio Júnior (PTB). "Dia 7 de outubro é a vitória do prefeito do povo de São Caetano. Vamos hastear a bandeira da paz."

Apesar de ser o protagonista do ato, Pinheiro não fez uso do microfone. Ele ficou posicionado em caminhão menor preparado com cobertura ao lado de sua vice, Lucia Dal'Mas, e de sua mulher, Graça. A voz do candidato só foi ouvida quando o locutor interrompia a fala e uma gravação do prefeiturável reclamando do "baixíssimo" nível da campanha ganhava espaço. Bandeiras específicas para vidro de carros com publicidade peemedebista foram atiradas a populares por todo o percurso.

"A carreata não cantou vitória, foi para acabar com os boatos de que estou doente e desisti da candidatura. Mostrei o meu vigor nas ruas", comentou Pinheiro, que relacionou a boatos a oscilação negativa da pesquisa do Diário, em que ele foi de 52,6% para 49,9% e sua adversária, Regina Maura Zetone (PTB), de 32,6% para 35,4%. "Sempre me preocupo em me manter na frente."

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;