Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 26 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Bahia fica perto do playoff


Edélcio Cândido
Da Redaçao

03/10/1999 | 23:22


Se o Sao Caetano praticamente carimbou seu passaporte para o próximo playoff decisivo da Série B do Campeonato Brasileiro, agora com 34 pontos ganhos, o Bahia nao fica atrás. Na acirrada rodada deste domingo, de poucos gols, o Bahia do técnico Joel Santana - apoiado por mais de 18 mil torcedores - derrotou o Uniao Sao Joao-SP por 2 a 1, no estádio da Fonte Nova, com gols do goleador Uéslei - maior artilheiro da competiçao com 13 gols. O zagueiro Wellington fez um gol contra no primeiro tempo, mas o Bahia reagiu com Uéslei, com gols aos 36 minutos do primeiro tempo e aos seis do segundo tempo.

O outro destaque da rodada foi o XV de Piracicaba, do técnico Luiz Carlos Ferreira, que ao ganhar do Remo, sexta-feira, por 1 a 0, gol de Táxi, de pênalti, chega aos 24 pontos e vai chegando. Já o Sampaio Corrêa, com 13 pontos, mesmo empatando com o América-RN (2 a 2), continua carregando uma pesada cruz: além de ser um dos rabeiras, a equipe tem um dos melhores ataques (24 gols) e uma das piores defesas (29 gols).

Se a rodada foi boa para o time do Grande ABC e o Bahia, o mesmo nao ocorreu com o Santa Cruz, time de massa: perdeu para o Tuna Luso por 3 a 0, no estádio do Mangueirao, em Belém do Pará. Mael marcou dois gols e Neto completou o placar. O resultado deixou o Santa Cruz, do técnico Nereu Pinheiro, com apenas 20 pontos e mais distante do playoff.

Quem deu sorte foi o CRB, que ganhou do Vila Nova por 1 a 0, com gol marcado nos acréscimos, aos 48, marcado por Cléber. Com 22 pontos ganhos, o CRB voltou a sonhar com uma das oito vagas da próxima fase do Brasileiro. O Bragantino venceu o Ceará (20 pontos) por 2 a 0, em Bragança Paulista, e chegou aos 21 pontos, distanciando-se um pouco do bloco dos ameaçados de rebaixamento. Para brigar por uma vaga, precisa vencer seus últimos jogos e depender de vários outros resultados.

No sábado à tarde, em Natal, o América-RN (14 pontos) quase foi surpreendido pelo Sampaio Corrêa (13), mas conseguiu o empate de 2 a 2, após a vantagem de 2 a 0 da equipe maranhense. A dupla de zagueiros Gito e Marcelo Fernandes garantiu a igualdade no placar, com um gol cada. Os dois continuam entre os últimos colocados da Série B. Nesta segunda, às 20h, dando prosseguimento ao campeonato, no Mineirao, América-MG (22) e Remo fazem a única partida da noite.

Chulapa cai - O polêmico Serginho Chulapa nao é mais o técnico do Remo - 17 pontos e brigando para fugir do fantasma do rebaixamento. A derrota sofrida para o XV foi o suficiente para deixar Serginho irritado, discutir com dirigentes e sair do clube. Ele jurou neste domingo que nao agrediu o diretor de futebol, Ilton Moreira, o que teria ocasionado a sua saída.

"Realmente tive um pequeno atrito com ele, mas sem essa de agressao. Aliás, trocamos algumas idéias antes da partida e nao gostei de algumas coisas. Decidi antes mesmo da partida com o XV que nao ficaria mais, independente de qualquer resultado. O clima estava meio pesado, sei lá. Após o jogo, eu peguei meu boné e acho que nao fiz nada de errado. Trabalhei honestamente com o elenco. Em oito partidas o Remo ganhou quatro, empatou uma e perdeu três. Creio que a campanha nao era das piores nas minhas maos, mas foi melhor assim", declarou Serginho.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Bahia fica perto do playoff

Edélcio Cândido
Da Redaçao

03/10/1999 | 23:22


Se o Sao Caetano praticamente carimbou seu passaporte para o próximo playoff decisivo da Série B do Campeonato Brasileiro, agora com 34 pontos ganhos, o Bahia nao fica atrás. Na acirrada rodada deste domingo, de poucos gols, o Bahia do técnico Joel Santana - apoiado por mais de 18 mil torcedores - derrotou o Uniao Sao Joao-SP por 2 a 1, no estádio da Fonte Nova, com gols do goleador Uéslei - maior artilheiro da competiçao com 13 gols. O zagueiro Wellington fez um gol contra no primeiro tempo, mas o Bahia reagiu com Uéslei, com gols aos 36 minutos do primeiro tempo e aos seis do segundo tempo.

O outro destaque da rodada foi o XV de Piracicaba, do técnico Luiz Carlos Ferreira, que ao ganhar do Remo, sexta-feira, por 1 a 0, gol de Táxi, de pênalti, chega aos 24 pontos e vai chegando. Já o Sampaio Corrêa, com 13 pontos, mesmo empatando com o América-RN (2 a 2), continua carregando uma pesada cruz: além de ser um dos rabeiras, a equipe tem um dos melhores ataques (24 gols) e uma das piores defesas (29 gols).

Se a rodada foi boa para o time do Grande ABC e o Bahia, o mesmo nao ocorreu com o Santa Cruz, time de massa: perdeu para o Tuna Luso por 3 a 0, no estádio do Mangueirao, em Belém do Pará. Mael marcou dois gols e Neto completou o placar. O resultado deixou o Santa Cruz, do técnico Nereu Pinheiro, com apenas 20 pontos e mais distante do playoff.

Quem deu sorte foi o CRB, que ganhou do Vila Nova por 1 a 0, com gol marcado nos acréscimos, aos 48, marcado por Cléber. Com 22 pontos ganhos, o CRB voltou a sonhar com uma das oito vagas da próxima fase do Brasileiro. O Bragantino venceu o Ceará (20 pontos) por 2 a 0, em Bragança Paulista, e chegou aos 21 pontos, distanciando-se um pouco do bloco dos ameaçados de rebaixamento. Para brigar por uma vaga, precisa vencer seus últimos jogos e depender de vários outros resultados.

No sábado à tarde, em Natal, o América-RN (14 pontos) quase foi surpreendido pelo Sampaio Corrêa (13), mas conseguiu o empate de 2 a 2, após a vantagem de 2 a 0 da equipe maranhense. A dupla de zagueiros Gito e Marcelo Fernandes garantiu a igualdade no placar, com um gol cada. Os dois continuam entre os últimos colocados da Série B. Nesta segunda, às 20h, dando prosseguimento ao campeonato, no Mineirao, América-MG (22) e Remo fazem a única partida da noite.

Chulapa cai - O polêmico Serginho Chulapa nao é mais o técnico do Remo - 17 pontos e brigando para fugir do fantasma do rebaixamento. A derrota sofrida para o XV foi o suficiente para deixar Serginho irritado, discutir com dirigentes e sair do clube. Ele jurou neste domingo que nao agrediu o diretor de futebol, Ilton Moreira, o que teria ocasionado a sua saída.

"Realmente tive um pequeno atrito com ele, mas sem essa de agressao. Aliás, trocamos algumas idéias antes da partida e nao gostei de algumas coisas. Decidi antes mesmo da partida com o XV que nao ficaria mais, independente de qualquer resultado. O clima estava meio pesado, sei lá. Após o jogo, eu peguei meu boné e acho que nao fiz nada de errado. Trabalhei honestamente com o elenco. Em oito partidas o Remo ganhou quatro, empatou uma e perdeu três. Creio que a campanha nao era das piores nas minhas maos, mas foi melhor assim", declarou Serginho.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;