Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Venda ilegal de pornografia movimenta US$ 17 mi na Rússia


Das Agências

23/08/2001 | 09:42


As vendas ilegais de material pornográfico em Moscou representam cerca de US$ 17 milhões por mês, informaram esta quinta-feira autoridades policiais.

Cerca de dois milhões de vídeos e 500 mil CDs são fabricados mensalmente na capital russa, precisou numa entrevista à imprensa Vladimir Tsvetkov, responsável na polícia moscovita pela luta contra o crime organizado. A pornografia infantil constitui 10 a 15% desses produtos, segundo informou Tsvetkov.

Um vídeo pornô custa em Moscou em torno de 130 rublos (US$ 4,4), mas pode chegar a US$ 100 se apresentar menores.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Venda ilegal de pornografia movimenta US$ 17 mi na Rússia

Das Agências

23/08/2001 | 09:42


As vendas ilegais de material pornográfico em Moscou representam cerca de US$ 17 milhões por mês, informaram esta quinta-feira autoridades policiais.

Cerca de dois milhões de vídeos e 500 mil CDs são fabricados mensalmente na capital russa, precisou numa entrevista à imprensa Vladimir Tsvetkov, responsável na polícia moscovita pela luta contra o crime organizado. A pornografia infantil constitui 10 a 15% desses produtos, segundo informou Tsvetkov.

Um vídeo pornô custa em Moscou em torno de 130 rublos (US$ 4,4), mas pode chegar a US$ 100 se apresentar menores.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;