Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 13 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Dunga mira Uruguai e Copa das Confederações fica de lado



05/06/2009 | 07:00


O técnico Dunga deu a entender ontem que a Copa das Confederações, com início no próximo dia 14, na África do Sul, está em segundo plano para a Seleção Brasileira.

Segundo o treinador, a prioridade é conseguir a classificação para a Copa do Mundo de 2010. O Brasil é o segundo colocado nas eliminatórias, com 21 pontos, e enfrenta o Uruguai, em Montevidéu, amanhã.

"O principal objetivo no ano é classificar o Brasil (para o Mundial). Depois, vamos pensar na Copa das Confederações", declarou o técnico Dunga.

O técnico voltou a reclamar da falta de tempo para treinamento. "Nunca vou estar totalmente satisfeito. Sempre quero mais."

Dunga voltou a exibir mau humor ao opinar sobre o silêncio de Kaká na Granja Comary. "Ele falou com a gente. Não falou somente com vocês (jornalistas)", rebateu.

O técnico espera um jogo duro no Uruguai, de muita correria, pegada e velocidade. Ele gostou do que viu no coletivo de ontem. Os titulares derrotaram os reservas por 1 a 0, gol de Juan, numa disputa que durou 45 minutos. O zagueiro Lúcio reclamou de dores musculares, mas não é dúvida. Dunga adiantou que Maicon, contundido, dificilmente enfrentará o Uruguai.

CBF - O projeto da nova sede da entidade, apresentado ontem, no Rio de Janeiro, traz como novidade dois campos com dimensões oficiais para treinos da seleção, o que pode significar que a concentração da equipe, em Teresópolis (Granja Comary), região serrana, seja deixada de lado pela equipe profissional a partir da inauguração do novo espaço, em 2012.

Para o presidente da entidade, Ricardo Teixeira, a medida evitaria que os jogadores se deslocassem até Teresópolis.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Dunga mira Uruguai e Copa das Confederações fica de lado


05/06/2009 | 07:00


O técnico Dunga deu a entender ontem que a Copa das Confederações, com início no próximo dia 14, na África do Sul, está em segundo plano para a Seleção Brasileira.

Segundo o treinador, a prioridade é conseguir a classificação para a Copa do Mundo de 2010. O Brasil é o segundo colocado nas eliminatórias, com 21 pontos, e enfrenta o Uruguai, em Montevidéu, amanhã.

"O principal objetivo no ano é classificar o Brasil (para o Mundial). Depois, vamos pensar na Copa das Confederações", declarou o técnico Dunga.

O técnico voltou a reclamar da falta de tempo para treinamento. "Nunca vou estar totalmente satisfeito. Sempre quero mais."

Dunga voltou a exibir mau humor ao opinar sobre o silêncio de Kaká na Granja Comary. "Ele falou com a gente. Não falou somente com vocês (jornalistas)", rebateu.

O técnico espera um jogo duro no Uruguai, de muita correria, pegada e velocidade. Ele gostou do que viu no coletivo de ontem. Os titulares derrotaram os reservas por 1 a 0, gol de Juan, numa disputa que durou 45 minutos. O zagueiro Lúcio reclamou de dores musculares, mas não é dúvida. Dunga adiantou que Maicon, contundido, dificilmente enfrentará o Uruguai.

CBF - O projeto da nova sede da entidade, apresentado ontem, no Rio de Janeiro, traz como novidade dois campos com dimensões oficiais para treinos da seleção, o que pode significar que a concentração da equipe, em Teresópolis (Granja Comary), região serrana, seja deixada de lado pela equipe profissional a partir da inauguração do novo espaço, em 2012.

Para o presidente da entidade, Ricardo Teixeira, a medida evitaria que os jogadores se deslocassem até Teresópolis.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;