Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 8 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Zé do Norte diz que debates do passado eram melhores


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

07/01/2013 | 06:59


 

Aposentado da política após cinco mandatos consecutivos na Câmara de Diadema, José Queiroz Neto, popularmente chamado de Zé do Norte (PT), relembra com saudosismo dos debates que protagonizava na Casa na década de 1990.

"Antigamente ser vereador era mais gostoso", admite o petista, de 69 anos. "As discussões eram mais acaloradas, mas tinham muito mais conteúdo", adiciona o ex-vereador, que conseguiu emplacar o filho Josa Queiroz (PT) como sucessor.

Zé do Norte foi líder do primeiro governo de José de Filippi Júnior (PT), entre 1993 e 1996, época em que travava debates tensos com Carlos Caviúna, Laércio Soares e Antonio Rodrigues. "Ficarei com muitas saudades de tudo. Fiz muitos amigos durante todos os mandatos."

Além de Josa, Zé do Norte viu outro filho ingressar na política: Maria de Fátima Queiroz, a Fatinha (PT), exerceu por quatro anos o posto de secretária de Planejamento do governo de Mário Reali (PT). O terceiro filho, Jaílson, segue carreira no setor privado.

Em dezembro de 2003, Zé do Norte sofreu um derrame, que prejudicou sua mobilidade. Mesmo assim, ele foi reeleito em 2004 e 2008, quando recebeu 3.136 votos e 3.892 votos, respectivamente. "Agora eu quero cuidar da minha saúde e dos meus cinco netos. Deixarei o Josa cuidando de tudo. Ele será um excelente vereador", garante o petista.

O ex-vereador afirma que seu principal projeto ao longo dos cinco mandatos foi a instalação do Dia do Cidadão Nordestino em Diadema. "Sempre quis ver o nordestino fazer festa aqui em Diadema, relembrar o Nordeste", alega o ex-parlamentar, natural de Parelhas, no Rio Grande do Norte.

 

 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;