Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 27 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Fábio brilha e Cruzeiro segura empate com Athletico-PR na Arena da Baixada

Geraldo Bubniak / Light Press / Cruzeiro/Fotos Públicas  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


07/11/2019 | 00:05


Mesmo com um jogador a menos durante boa parte do segundo tempo, devido à expulsão de Sassá, o Cruzeiro segurou a pressão do Athletico-PR e empatou sem gols na Arena da Baixada, em Curitiba, nesta quarta-feira à noite, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o empate, o time paranaense perde a posição no G-6 e é agora o sétimo colocado, com 47 pontos. O Athletico, contudo, já está garantido na próxima edição da Copa Libertadores por ter sido campeão da Copa do Brasil. O Cruzeiro, agora com 34 pontos, se afasta um pouco mais da zona do rebaixamento e assume a 14ª posição. O primeiro time dentro da zona da degola é o Fluminense, que joga contra o São Paulo na quinta-feira, e tem 31 pontos.

Na primeira etapa, o Athletico criou as principais jogadas de perigo e só não abriu o placar porque o goleiro Fábio estava em noite inspirada e salvou o Cruzeiro. Nos lances mais perigosos, o goleiro evitou o gol em chutes de Nikão, Bruno Guimarães, Rony e Marco Ruben, além de cabeceio de Thiago Heleno.

Na segunda etapa, a partida ficou ainda mais complicada para a equipe mineira. Aos 14 minutos, Sassá teve um gol anulado por ter desviado a bola com o braço para driblar o goleiro. Como já tinha cartão amarelo, o atacante recebeu mais um e foi expulso.

Mesmo com um jogador a mais, o Athletico seguiu com dificuldade para superar a defesa mineira. Aos poucos, o visitante foi se posicionando melhor em campo e chegou até a assustar em contragolpes.

Sem mais lances agudas, o jogo terminou mesmo sem gols e o resultado foi mais comemorado pelos jogadores do Cruzeiro, que se entregaram nos minutos finais e terminaram exaustos a partida.

Os dois times voltam a campo no próximo domingo, pela 32ª rodada. O Cruzeiro enfrenta o Atlético-MG em clássico no Mineirão, enquanto o Athletico-PR vai ao Morumbi para encarar o São Paulo.

FICHA TÉCNICA:

ATHLETICO-PR 0 x 0 CRUZEIRO

ATHLETICO-PR - Santos; Madson, Thiago Heleno, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington (Marcelo Cirino), Bruno Guimarães (Camacho), Léo Cittadini (Bruno Nazário) e Nikão; Rony e Marco Ruben. Técnico: Eduardo Barros (interino).

CRUZEIRO - Fábio; Edílson, Cacá, Fabrício Bruno e Egídio (Dodô); Henrique, Éderson, Marquinhos Gabriel e Robinho (Ariel Cabral); David (Ezequiel) e Sassá. Técnico: Abel Braga.

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira (SP).

CARTÕES AMARELOS - Léo Pereira e Marco Ruben (Athletico-PR).

CARTÃO VERMELHO - Sassá (Cruzeiro).

RENDA - R$ 216.370,00.

PÚBLICO - 12.885 pagantes.

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Fábio brilha e Cruzeiro segura empate com Athletico-PR na Arena da Baixada


07/11/2019 | 00:05


Mesmo com um jogador a menos durante boa parte do segundo tempo, devido à expulsão de Sassá, o Cruzeiro segurou a pressão do Athletico-PR e empatou sem gols na Arena da Baixada, em Curitiba, nesta quarta-feira à noite, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o empate, o time paranaense perde a posição no G-6 e é agora o sétimo colocado, com 47 pontos. O Athletico, contudo, já está garantido na próxima edição da Copa Libertadores por ter sido campeão da Copa do Brasil. O Cruzeiro, agora com 34 pontos, se afasta um pouco mais da zona do rebaixamento e assume a 14ª posição. O primeiro time dentro da zona da degola é o Fluminense, que joga contra o São Paulo na quinta-feira, e tem 31 pontos.

Na primeira etapa, o Athletico criou as principais jogadas de perigo e só não abriu o placar porque o goleiro Fábio estava em noite inspirada e salvou o Cruzeiro. Nos lances mais perigosos, o goleiro evitou o gol em chutes de Nikão, Bruno Guimarães, Rony e Marco Ruben, além de cabeceio de Thiago Heleno.

Na segunda etapa, a partida ficou ainda mais complicada para a equipe mineira. Aos 14 minutos, Sassá teve um gol anulado por ter desviado a bola com o braço para driblar o goleiro. Como já tinha cartão amarelo, o atacante recebeu mais um e foi expulso.

Mesmo com um jogador a mais, o Athletico seguiu com dificuldade para superar a defesa mineira. Aos poucos, o visitante foi se posicionando melhor em campo e chegou até a assustar em contragolpes.

Sem mais lances agudas, o jogo terminou mesmo sem gols e o resultado foi mais comemorado pelos jogadores do Cruzeiro, que se entregaram nos minutos finais e terminaram exaustos a partida.

Os dois times voltam a campo no próximo domingo, pela 32ª rodada. O Cruzeiro enfrenta o Atlético-MG em clássico no Mineirão, enquanto o Athletico-PR vai ao Morumbi para encarar o São Paulo.

FICHA TÉCNICA:

ATHLETICO-PR 0 x 0 CRUZEIRO

ATHLETICO-PR - Santos; Madson, Thiago Heleno, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington (Marcelo Cirino), Bruno Guimarães (Camacho), Léo Cittadini (Bruno Nazário) e Nikão; Rony e Marco Ruben. Técnico: Eduardo Barros (interino).

CRUZEIRO - Fábio; Edílson, Cacá, Fabrício Bruno e Egídio (Dodô); Henrique, Éderson, Marquinhos Gabriel e Robinho (Ariel Cabral); David (Ezequiel) e Sassá. Técnico: Abel Braga.

ÁRBITRO - Luiz Flávio de Oliveira (SP).

CARTÕES AMARELOS - Léo Pereira e Marco Ruben (Athletico-PR).

CARTÃO VERMELHO - Sassá (Cruzeiro).

RENDA - R$ 216.370,00.

PÚBLICO - 12.885 pagantes.

LOCAL - Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;