Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 1 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Handebol: times entram na reta final do 1° turno da Liga Petrobras


Das Agências

06/09/2006 | 17:09


Sete jogos abrem a rodada desta quinta-feira pela Liga Petrobras de handebol. Pelo feminino, destaque para o confronto entre COPM/Univila/PMV (ES), que precisa da vitória para sair da zona intermediária, e SPFC/Fefisa/Santo André (SP), que se vencer pode encostar nos líderes.

No masculino, a A. H. Itajaí/Univali / Femepe (SC) quer manter o bom rendimento das duas últimas atuações, enquanto a Unifil Londrina/Sercomtel (PR) sonha em obter um resultado positivo para poder terminar a rodada na vice-liderança.

Para a técnica da COPM/Univila/PMV (ES), Kátia Regina Amanajás, um resultado favorável seria útil para as pretensões do grupo, que é fazer um bom segundo turno, pois está em sexto lugar. "Este é um jogo chave, pois se vencermos e continuarmos a manter um bom padrão, será possível terminar o primeiro turno entre as primeiras, que é o nosso objetivo. Assim começaremos o próximo turno mais confiantes para o seguimento da competição", explica Kátia, que adianta o caminho para a tentativa de sucesso nesta partida. "Temos de anular a estrutura tática do Santo André, pois o técnico organiza o time conforme os adversários e isso pode dificultar", completa.

Ainda pelo feminino, Altero/Paquetá/Feevale (RS) e São Caetano (SP) fazem um duelo de quatro pontos, já que ambas equipes se encontram com três pontos na tabela. No confronto de times antagônicos, o lanterna Santa/Feevale/Novo Hamburgo (RS) tenta em casa bloquear a força da líder Metodista/São Bernardo (SP), que ainda não perdeu no campeonato.

No masculino, o treinador do A. H. Itajaí/Univali/Femepe, Délcio de Amorim, não poderá contar com três jogadores, que estão lesionados, e analisa o oponente. "Será um jogo muito difícil. O Londrina é uma equipe forte, viril, tem grande qualidade nos passes e está entre as quatro primeiras na classificação. Temos de ter uma atenção maior com o armador-esquerdo Léo, que é veloz e muito inteligente", alerta o treinador, que lamenta a ausência de atletas importantes no esquema tático. "Ainda não poderei contar com o Gheferson, que vinha muito bem, mas teve um problema no tornozelo. O Pierre também está fora, assim como o Bruno, que ainda não estreou na Liga," conclui.

Ainda pelo masculino, o E. C. Pinheiros/Santo André (SP) defende a liderança contra a Unimed/UEM/Maringá (PR), em São Paulo. Universo (RJ) e Metodista/São Bernardo/Besni (SP), respectivamente em segundo e terceiro lugar, fazem um confronto de quatro pontos, em São Bernardo do Campo, enquanto o IMES/São Caetano tenta se recuperar da última derrota sofrida diante da Metodista/São Bernardo/Besni (23 a 25) no mesmo ginásio contra o Grande Rio/Duque de Caxias/Fundec (RJ), ambos com seis pontos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Handebol: times entram na reta final do 1° turno da Liga Petrobras

Das Agências

06/09/2006 | 17:09


Sete jogos abrem a rodada desta quinta-feira pela Liga Petrobras de handebol. Pelo feminino, destaque para o confronto entre COPM/Univila/PMV (ES), que precisa da vitória para sair da zona intermediária, e SPFC/Fefisa/Santo André (SP), que se vencer pode encostar nos líderes.

No masculino, a A. H. Itajaí/Univali / Femepe (SC) quer manter o bom rendimento das duas últimas atuações, enquanto a Unifil Londrina/Sercomtel (PR) sonha em obter um resultado positivo para poder terminar a rodada na vice-liderança.

Para a técnica da COPM/Univila/PMV (ES), Kátia Regina Amanajás, um resultado favorável seria útil para as pretensões do grupo, que é fazer um bom segundo turno, pois está em sexto lugar. "Este é um jogo chave, pois se vencermos e continuarmos a manter um bom padrão, será possível terminar o primeiro turno entre as primeiras, que é o nosso objetivo. Assim começaremos o próximo turno mais confiantes para o seguimento da competição", explica Kátia, que adianta o caminho para a tentativa de sucesso nesta partida. "Temos de anular a estrutura tática do Santo André, pois o técnico organiza o time conforme os adversários e isso pode dificultar", completa.

Ainda pelo feminino, Altero/Paquetá/Feevale (RS) e São Caetano (SP) fazem um duelo de quatro pontos, já que ambas equipes se encontram com três pontos na tabela. No confronto de times antagônicos, o lanterna Santa/Feevale/Novo Hamburgo (RS) tenta em casa bloquear a força da líder Metodista/São Bernardo (SP), que ainda não perdeu no campeonato.

No masculino, o treinador do A. H. Itajaí/Univali/Femepe, Délcio de Amorim, não poderá contar com três jogadores, que estão lesionados, e analisa o oponente. "Será um jogo muito difícil. O Londrina é uma equipe forte, viril, tem grande qualidade nos passes e está entre as quatro primeiras na classificação. Temos de ter uma atenção maior com o armador-esquerdo Léo, que é veloz e muito inteligente", alerta o treinador, que lamenta a ausência de atletas importantes no esquema tático. "Ainda não poderei contar com o Gheferson, que vinha muito bem, mas teve um problema no tornozelo. O Pierre também está fora, assim como o Bruno, que ainda não estreou na Liga," conclui.

Ainda pelo masculino, o E. C. Pinheiros/Santo André (SP) defende a liderança contra a Unimed/UEM/Maringá (PR), em São Paulo. Universo (RJ) e Metodista/São Bernardo/Besni (SP), respectivamente em segundo e terceiro lugar, fazem um confronto de quatro pontos, em São Bernardo do Campo, enquanto o IMES/São Caetano tenta se recuperar da última derrota sofrida diante da Metodista/São Bernardo/Besni (23 a 25) no mesmo ginásio contra o Grande Rio/Duque de Caxias/Fundec (RJ), ambos com seis pontos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;