Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Turismo

turismo@dgabc.com.br | 4435-8367

Hotel na Amazônia é opção para viajar com isolamento

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Redação
Do Rota de Férias

26/08/2020 | 17:48


O hotel de selva Juma Amazon Lodge, localizado na Amazônia, reabriu em 5 de agosto após permanecer fechado por quatro meses por conta da pandemia do novo coronavírus. Assim, tornou-se mais uma opção para quem pretende viajar com isolamento e ficar alguns dias cercado de natureza no Brasil.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Hotel Juma Amazon Lodge

Para proteger hóspedes, guias, colaboradores e população ribeirinha, uma série de medidas de segurança e higiene foi estabelecida no hotel. No momento, por exemplo, estão suspensas as visitas às casas dos caboclo, passeio que era oferecido para quem desejava fazer uma imersão na cultura local.

Outros tours disponíveis pela região podem ser feitos com uso de máscara obrigatório, com exceção das caminhadas, nas quais é exigido distanciamento mínimo de um metro entre cada participante. Além disso, todos os equipamentos usados nas atividades passam, segundo o hotel, por um processo de higienização.

LEIA MAIS: HOTÉIS HISTÓRICOS PARA CONHECER NO BRASIL
6 HOTÉIS ISOLADOS AO REDOR DO MUNDO PARA VIAJAR COM DISTANCIAMENTO

Os cuidados começam em Manaus, quando os hóspedes têm suas temperaturas medidas e devem apresentar resultado de exame ou atestado médico negativo para covid-19, de acordo com as normas técnicas da prefeitura local. O lado externo das bagagens também passa por um procedimento de desinfecção com bactericida.

Os traslados entre a capital do estado e o lodge são feitos em barcos e carros higienizados após cada serviço. Na chegada, os clientes com reserva online podem reduzir o contato e tempo na recepção ao concluir as formalidades, sempre que possível, de forma remota.

Também é enviado previamente um termo com as medidas preventivas do hotel. Além disso, um kit com máscara de três camadas, luvas e um pequeno frasco de álcool em gel é entregue aos hóspedes.

A alimentação é outro ponto de extrema atenção. No restaurante, o cardápio é exibido em um pedestal, para que não seja tocado, e o número de mesas foi reduzido. O manuseio das refeições vem seguindo padrões rígidos de segurança, inclusive em piqueniques na floresta, de acordo com nota divulgada pelo Juma Amazon Lodge.

Todos os colaboradores do hotel devem usar equipamentos de proteção, conforme as regras locais e respeitarão o distanciamento social. Em diversos pontos há suportes com álcool em gel para incentivar a higienização constante das mãos.

Bangalôs e áreas comuns

Para a limpeza dos bangalôs e das áreas comuns, que vem ocorrendo duas vezes ao dia, estão sendo usados desinfetantes aprovados contra o coronavírus em todas as superfícies, inclusive o chão. O enxoval, por sua vez, é tratado para evitar o aumento de poeira quando retirado, e as redes das varandas estão disponíveis apenas mediante solicitação.

Todas as áreas sociais do hotel possuem ventilação natural, com telas no lugar de janelas e paredes, o que permite a circulação do ar. Mesmo assim, como a ideia é evitar aglomerações, o redário não está disponível para os hóspedes, e o museu e a casa de wi-fi funcionarão em sistema de rodízio.

Além disso, as espreguiçadeiras da piscina natural – montada no rio Juma – estão dispostas a cada dois metros. Mesmo ali, a máscara só pode ser retirada durante os mergulhos e deve ser ser recolocada imediatamente após o hóspede sair da piscina.

Para marcar a reabertura do Juma Amazon Lodge foi lançado um novo site, que traz mais informações sobre o hotel, roteiros e temas como ecoturismo e sustentabilidade.

Serviço 

Os preços para se hospedar no Juma Amazon Lodge variam de acordo com a data, a proximidade, a quantidade de pessoas por quarto e oapartamento. Para mais informações sobre os valores, acesse o site do Hotel Juma Amazon Lodge.

Destinos nacionais que são um espetáculo da natureza

A Praia do Forte, na Bahia, é uma ótima opção de passeio para quem quer se ver em meio a um espetáculo da natureza. Em determinadas épocas do ano, é possível acompanhar de perto o nascimento de tartarugas marinhas, que saem dos ovos e já correm em direção ao mar. Na galeria, conheça esse e outros destinos nacionais perfeitos para se conectar com a natureza.

  • Apesar de não ser um ponto turístico 100% brasileiro (fica na fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai), as Cataratas do Iguaçu, em Foz do Iguaçu (PR), são uma ótima opção para quem quer conhecer cenários naturais belíssimos sem sair do país
  • Crédito: Pixabay
    Foz do Iguaçu (PR)
  • Crédito: Pixabay
    Foz do Iguaçu (PR)
  • Crédito: Ana_Cotta via Visualhunt / CC BY
    A cerca de 260 km de Brasília (DF), a Chapada dos Veadeiros (GO) ostenta belas cachoeiras, paredões de pedra e rios cristalinos. O local é tão impressionante que foi eleito Sitio do Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco
  • Crédito: Pixabay
    Chapada dos Veadeiros (GO)
  • Chapada dos Veadeiros (GO)
  • A Gruta do Lago Azul é uma das principais atrações de Bonito (MS). No geral, o destino é perfeito para a galera mais radical e para o pessoal que quer mergulhar com vários peixinhos
  • Crédito: comicpie on Visualhunt / CC BY
    Gruta do Lago Azul, Bonito (MS)
  • Gruta do Lago Azul, Bonito (MS)
  • Além de ser bem bonita, a Praia do Forte, na Bahia, é palco de um lindo espetáculo da natureza. É lá que fica o Projeto Tamar, que busca proteger diferentes espécies de tartarugas marinhas. Durante determinadas épocas do ano, é possível acompanhar o nascimento dos filhotes, que já saem dos ovos correndo em direção ao mar
  • Praia do Forte (BA)
  • Praia do Forte (BA)
  • Apelidada de "Caribe Brasileiro", a região de Arraial do Cabo (RJ) está na moda. É impossível não se encantar com a natureza preservada e com a tonalidade clarinha das águas
  • Crédito: Pixabay
    Arraial do Cabo (RJ)
  • Arraial do Cabo (RJ)
  • As piscinas naturais de Maragogi (AL) também são ótimas opções para quem procura curtir as belezas naturais da região Nordeste. O destino entre Maceió (AL) e Recife (PE) faz parte da área de proteção ambiental Costa dos Corais
  • Crédito: Pixabay
    Maragogi (AL)
  • Crédito: Pixabay
    Maragogi (AL)
  • Os Lençóis Maranhenses (MA) são uns dos muitos tesouros naturais do Nordeste brasileiro. As dunas do local são criadas pela força do vento, que muda a aparência da paisagem com frequência. Além disso, é possível encontrar algumas lagoas no meio do "deserto"
  • Crédito: Pixabay
    Lençóis Maranhenses (MA)
  • Lençóis Maranhenses (MA)
  • O arquipélago de Fernando de Noronha (PE) está imerso em uma área de proteção ambiental. Para não comprometer os belíssimos visuais da natureza e a fauna local, os viajantes devem seguir uma série de regras ligadas e até pagar taxas ligadas à preservação do meio ambiente
  • Crédito: Pixabay
    Fernando de Noronha (PE)
  • Crédito: Pixabay
    Fernando de Noronha (PE)
  • As região serrana protegida pelo Parque Nacional da Chapada Diamantina (BA) é ideal para os viajantes que gostam de fazer trilhas e curtir cenários incríveis. É possível encontrar grutas, lagoas, vales e até cachoeiras
  • Crédito: Pixabay
    Chapada Diamantina (BA)
  • Cachoeira da Fumaçinha, Chapada Diamantina (BA)


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Hotel na Amazônia é opção para viajar com isolamento

Redação
Do Rota de Férias

26/08/2020 | 17:48


O hotel de selva Juma Amazon Lodge, localizado na Amazônia, reabriu em 5 de agosto após permanecer fechado por quatro meses por conta da pandemia do novo coronavírus. Assim, tornou-se mais uma opção para quem pretende viajar com isolamento e ficar alguns dias cercado de natureza no Brasil.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Hotel Juma Amazon Lodge

Para proteger hóspedes, guias, colaboradores e população ribeirinha, uma série de medidas de segurança e higiene foi estabelecida no hotel. No momento, por exemplo, estão suspensas as visitas às casas dos caboclo, passeio que era oferecido para quem desejava fazer uma imersão na cultura local.

Outros tours disponíveis pela região podem ser feitos com uso de máscara obrigatório, com exceção das caminhadas, nas quais é exigido distanciamento mínimo de um metro entre cada participante. Além disso, todos os equipamentos usados nas atividades passam, segundo o hotel, por um processo de higienização.

LEIA MAIS: HOTÉIS HISTÓRICOS PARA CONHECER NO BRASIL
6 HOTÉIS ISOLADOS AO REDOR DO MUNDO PARA VIAJAR COM DISTANCIAMENTO

Os cuidados começam em Manaus, quando os hóspedes têm suas temperaturas medidas e devem apresentar resultado de exame ou atestado médico negativo para covid-19, de acordo com as normas técnicas da prefeitura local. O lado externo das bagagens também passa por um procedimento de desinfecção com bactericida.

Os traslados entre a capital do estado e o lodge são feitos em barcos e carros higienizados após cada serviço. Na chegada, os clientes com reserva online podem reduzir o contato e tempo na recepção ao concluir as formalidades, sempre que possível, de forma remota.

Também é enviado previamente um termo com as medidas preventivas do hotel. Além disso, um kit com máscara de três camadas, luvas e um pequeno frasco de álcool em gel é entregue aos hóspedes.

A alimentação é outro ponto de extrema atenção. No restaurante, o cardápio é exibido em um pedestal, para que não seja tocado, e o número de mesas foi reduzido. O manuseio das refeições vem seguindo padrões rígidos de segurança, inclusive em piqueniques na floresta, de acordo com nota divulgada pelo Juma Amazon Lodge.

Todos os colaboradores do hotel devem usar equipamentos de proteção, conforme as regras locais e respeitarão o distanciamento social. Em diversos pontos há suportes com álcool em gel para incentivar a higienização constante das mãos.

Bangalôs e áreas comuns

Para a limpeza dos bangalôs e das áreas comuns, que vem ocorrendo duas vezes ao dia, estão sendo usados desinfetantes aprovados contra o coronavírus em todas as superfícies, inclusive o chão. O enxoval, por sua vez, é tratado para evitar o aumento de poeira quando retirado, e as redes das varandas estão disponíveis apenas mediante solicitação.

Todas as áreas sociais do hotel possuem ventilação natural, com telas no lugar de janelas e paredes, o que permite a circulação do ar. Mesmo assim, como a ideia é evitar aglomerações, o redário não está disponível para os hóspedes, e o museu e a casa de wi-fi funcionarão em sistema de rodízio.

Além disso, as espreguiçadeiras da piscina natural – montada no rio Juma – estão dispostas a cada dois metros. Mesmo ali, a máscara só pode ser retirada durante os mergulhos e deve ser ser recolocada imediatamente após o hóspede sair da piscina.

Para marcar a reabertura do Juma Amazon Lodge foi lançado um novo site, que traz mais informações sobre o hotel, roteiros e temas como ecoturismo e sustentabilidade.

Serviço 

Os preços para se hospedar no Juma Amazon Lodge variam de acordo com a data, a proximidade, a quantidade de pessoas por quarto e oapartamento. Para mais informações sobre os valores, acesse o site do Hotel Juma Amazon Lodge.

Destinos nacionais que são um espetáculo da natureza

A Praia do Forte, na Bahia, é uma ótima opção de passeio para quem quer se ver em meio a um espetáculo da natureza. Em determinadas épocas do ano, é possível acompanhar de perto o nascimento de tartarugas marinhas, que saem dos ovos e já correm em direção ao mar. Na galeria, conheça esse e outros destinos nacionais perfeitos para se conectar com a natureza.

  • Apesar de não ser um ponto turístico 100% brasileiro (fica na fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai), as Cataratas do Iguaçu, em Foz do Iguaçu (PR), são uma ótima opção para quem quer conhecer cenários naturais belíssimos sem sair do país
  • Crédito: Pixabay
    Foz do Iguaçu (PR)
  • Crédito: Pixabay
    Foz do Iguaçu (PR)
  • Crédito: Ana_Cotta via Visualhunt / CC BY
    A cerca de 260 km de Brasília (DF), a Chapada dos Veadeiros (GO) ostenta belas cachoeiras, paredões de pedra e rios cristalinos. O local é tão impressionante que foi eleito Sitio do Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco
  • Crédito: Pixabay
    Chapada dos Veadeiros (GO)
  • Chapada dos Veadeiros (GO)
  • A Gruta do Lago Azul é uma das principais atrações de Bonito (MS). No geral, o destino é perfeito para a galera mais radical e para o pessoal que quer mergulhar com vários peixinhos
  • Crédito: comicpie on Visualhunt / CC BY
    Gruta do Lago Azul, Bonito (MS)
  • Gruta do Lago Azul, Bonito (MS)
  • Além de ser bem bonita, a Praia do Forte, na Bahia, é palco de um lindo espetáculo da natureza. É lá que fica o Projeto Tamar, que busca proteger diferentes espécies de tartarugas marinhas. Durante determinadas épocas do ano, é possível acompanhar o nascimento dos filhotes, que já saem dos ovos correndo em direção ao mar
  • Praia do Forte (BA)
  • Praia do Forte (BA)
  • Apelidada de "Caribe Brasileiro", a região de Arraial do Cabo (RJ) está na moda. É impossível não se encantar com a natureza preservada e com a tonalidade clarinha das águas
  • Crédito: Pixabay
    Arraial do Cabo (RJ)
  • Arraial do Cabo (RJ)
  • As piscinas naturais de Maragogi (AL) também são ótimas opções para quem procura curtir as belezas naturais da região Nordeste. O destino entre Maceió (AL) e Recife (PE) faz parte da área de proteção ambiental Costa dos Corais
  • Crédito: Pixabay
    Maragogi (AL)
  • Crédito: Pixabay
    Maragogi (AL)
  • Os Lençóis Maranhenses (MA) são uns dos muitos tesouros naturais do Nordeste brasileiro. As dunas do local são criadas pela força do vento, que muda a aparência da paisagem com frequência. Além disso, é possível encontrar algumas lagoas no meio do "deserto"
  • Crédito: Pixabay
    Lençóis Maranhenses (MA)
  • Lençóis Maranhenses (MA)
  • O arquipélago de Fernando de Noronha (PE) está imerso em uma área de proteção ambiental. Para não comprometer os belíssimos visuais da natureza e a fauna local, os viajantes devem seguir uma série de regras ligadas e até pagar taxas ligadas à preservação do meio ambiente
  • Crédito: Pixabay
    Fernando de Noronha (PE)
  • Crédito: Pixabay
    Fernando de Noronha (PE)
  • As região serrana protegida pelo Parque Nacional da Chapada Diamantina (BA) é ideal para os viajantes que gostam de fazer trilhas e curtir cenários incríveis. É possível encontrar grutas, lagoas, vales e até cachoeiras
  • Crédito: Pixabay
    Chapada Diamantina (BA)
  • Cachoeira da Fumaçinha, Chapada Diamantina (BA)

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;