Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 23 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Crimes também assustam população de Diadema


Verônica Lima
Do Diário do Grande ABC

17/09/2007 | 07:27


"A criminalidade em Diadema é similar à do Rio de Janeiro e intimida até mesmo os militares". O desabafo partiu de um integrante da Polícia Militar do município, após os crimes cometidos no fim de semana na cidade, quando um motorista morreu e deixaram outras três pessoas feridas – uma criança de 13 anos foi atingida na altura da cintura por uma bala perdida, um cabeleireiro levou um tiro e teve a perna ferida e a outra vítima foi baleada durante tentativa de assalto de carro.

O primeiro caso foi do servente Moises de Souza Andrade, 34 anos, executado na noite de sábado. Segundo os policiais, o corpo foi encontrado em uma rua apresentando ferimentos no tórax e na nuca.

Ao lado do corpo, os policiais encontraram três cápsulas de pistola calibre 38 e três cápsulas deflagradas, que foram apreendidas e encaminhadas para a perícia.

A PM de Diadema afirma que a vítima era procurada pela Justiça e já esteve envolvida com a criminalidade. Por isso, existe a hipótese de acerto de contas.

Já a estudante de 13 anos, Mayara Barroso Costa foi atingida por uma bala perdida na altura da cintura enquanto conversava com a família na frente da sua casa. A menina passou por uma cirurgia e permanece internado no hospital. A irmã da vítima, Janaina Delmiro Costa, 23, diz que desconhece de onde veio o tiro.

Outro ferido por um tiro foi o cabelereiro A.S.F.S, 33 anos. Enquanto fechava o salão o cabeleireiro foi abordado por três homens e após reagir foi ferido na perna.

São Bernardo - O motorista José Pereira da Silva, 49 anos, foi baleado por uma arma calibre 38 quando reagiu ao roubo do carro em São Bernardo. Quatro rapazes estão envolvidos com o crime, entre eles, Ricardo Francisco dos Santos Ribeiro, 21 anos, detido; e os outros três foragidos, Rafael Fernandes da Silva Santana, 19 anos, André João do Nascimento, 18 anos, e um ajudante não identificado. Todos de Diadema. O motorista está na UTI.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Crimes também assustam população de Diadema

Verônica Lima
Do Diário do Grande ABC

17/09/2007 | 07:27


"A criminalidade em Diadema é similar à do Rio de Janeiro e intimida até mesmo os militares". O desabafo partiu de um integrante da Polícia Militar do município, após os crimes cometidos no fim de semana na cidade, quando um motorista morreu e deixaram outras três pessoas feridas – uma criança de 13 anos foi atingida na altura da cintura por uma bala perdida, um cabeleireiro levou um tiro e teve a perna ferida e a outra vítima foi baleada durante tentativa de assalto de carro.

O primeiro caso foi do servente Moises de Souza Andrade, 34 anos, executado na noite de sábado. Segundo os policiais, o corpo foi encontrado em uma rua apresentando ferimentos no tórax e na nuca.

Ao lado do corpo, os policiais encontraram três cápsulas de pistola calibre 38 e três cápsulas deflagradas, que foram apreendidas e encaminhadas para a perícia.

A PM de Diadema afirma que a vítima era procurada pela Justiça e já esteve envolvida com a criminalidade. Por isso, existe a hipótese de acerto de contas.

Já a estudante de 13 anos, Mayara Barroso Costa foi atingida por uma bala perdida na altura da cintura enquanto conversava com a família na frente da sua casa. A menina passou por uma cirurgia e permanece internado no hospital. A irmã da vítima, Janaina Delmiro Costa, 23, diz que desconhece de onde veio o tiro.

Outro ferido por um tiro foi o cabelereiro A.S.F.S, 33 anos. Enquanto fechava o salão o cabeleireiro foi abordado por três homens e após reagir foi ferido na perna.

São Bernardo - O motorista José Pereira da Silva, 49 anos, foi baleado por uma arma calibre 38 quando reagiu ao roubo do carro em São Bernardo. Quatro rapazes estão envolvidos com o crime, entre eles, Ricardo Francisco dos Santos Ribeiro, 21 anos, detido; e os outros três foragidos, Rafael Fernandes da Silva Santana, 19 anos, André João do Nascimento, 18 anos, e um ajudante não identificado. Todos de Diadema. O motorista está na UTI.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;