Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 24 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

‘Fantasmas’ deixam São Paulo em paz


Analy Cristofani
Do Diário do Grande ABC

09/09/2005 | 08:22


Nada de euforia. O elenco do São Paulo, com o comando do técnico Paulo Autuori, sabe que, apesar da vitória por 3 a 2 diante do Corinthians, a situação do clube ainda é desconfortável. Por isso, o grupo adotou o discurso do passo a passo e o primeiro objetivo do Tricolor é poder conquistar a terceira vitória consecutiva neste segundo turno do Campeonato Brasileiro, domingo, no Couto Pereira, contra o Coritiba. O treinador garante, no entanto, que agora sim a equipe pode começar a reagir. "Os fantasmas desapareceram. Temos um outro jogo difícil e vamos tentar mais uma vitória", disse Autuori.

Para o técnico, a equipe não pode começar a pensar em brigar pelo título, o que matematicamente ainda é possível. "Não podemos entrar em euforia sem necessidade. Estamos preocupados mesmo em nos recuperar na competição, em busca de uma seqüência de vitórias que dê mais moral ao time. O importante é que todos estejam bem porque domingo já tem o Coritiba. O que queremos muito é ganhar a terceira partida consecutiva. A gente sabe que vitória traz tranqüilidade. Derrota, confusão".

Autuori entende que o bom resultado diante do Corinthians tem um motivo de ser. Com a folga na tabela, os jogadores puderam, além de trabalhar, passar um período com a família e esquecer dos problemas que a equipe vinha enfrentando, próxima à zona de rebaixamento. "Os jogadores tiveram uma semana para recuperação e um dia e meio para passar com a família. A tendência é que o grupo cresça de agora em diante".

O meia Souza pensa como seu comandante. Para ele, a partir de agora o São Paulo vai encontrar "estímulos para chegar entre os quatro ou cinco primeiros colocados", disse o jogador, um dos responsáveis pela vitória contra o time do Parque São Jorge, que ganhou também o apoio do seu técnico e do restante do grupo. "A confiança vem fazendo eu crescer em campo. Tenho certeza que posso somar e ajudar o São Paulo", afirmou.

O atacante Amoroso prefere não falar em título e tenta manter os pés no chão. Para ele, o principal agora e poder "olhar lá na frente". Em outras palavras: continuar em busca de uma seqüência de vitórias. "Já são quatro jogos sem derrota e dois com vitória. Isso nos dá moral, motivação. Vamos tentar chegar mais perto dos líderes. Não falo nem em ser campeão, mas estar entre os primeiros colocados porque o São Paulo não merece estar nesta situação, mas sim lutando lá na ponta".

Desfalques – O atacante Amoroso não vai enfrentar o Coritiba, já que tem de cumprir suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo. Ele não é o único. O técnico Paulo Bonamigo também não poderá contar com o zagueiro Alex, que cumpre a terceira de quatro jogos, Fabão e Júnior. Em compensação, retornam Josué, Lugano e Cicinho.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;