Fechar
Publicidade

Domingo, 27 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Brasil passa Reino Unido e se torna
2º país do mundo em total de mortos

Nario Barbosa/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


12/06/2020 | 18:24


De acordo com dados consolidados no começo da noite desta sexta-feira (12) pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), o Brasil tornou-se hoje o segundo país com mais mortes causadas pela covid-19 em todo o mundo, superando o Reino Unido. Segundo o Conass, que considera os dados informados pelas secretarias de saúde de todos os Estados brasileiros e o Distrito Federal, 42.161 pessoas morreram no Brasil em razão de terem sido contaminadas pelo novo coronavírus. O número atualizado hoje pelo governo britânico informa que 41.481 são os óbitos no Reino Unido até o momento.

O total de mortos no Brasil aumentou em 1.242 nas últimas 24 horas, enquanto no mesmo período o Reino Unido identificou 202 mortes associadas à covid-19. À frente do total de mortos pela doença no Brasil está somente o dado dos Estados Unidos, que registrou mais 947 mortes por covid-19 e agora tem 113.914 vítimas fatais do novo coronavírus, segundo o Centro de Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês).

No total de casos, o Brasil também é o segundo do mundo, novamente atrás dos Estados Unidos. São agora 843.406 contaminações identificadas aqui (aumento de 40.578, um novo recorde) e 2.016.027 nos Estados Unidos (acréscimo de 21.744 casos). Mais uma vez o Brasil foi o país que mais registrou novos casos e também novas mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas.

Apesar do constante crescimento de casos e de mortes por covid-19, vários Estados brasileiros estão atualmente em fase de reabertura de suas economias. Nos últimos dias, dezenas de Estados americanos experimentaram aumentos nos números da covid-19, incluindo Texas, Califórnia e Flórida, o que aumentou temores de uma segunda onda de contaminações e acabou afetando negativamente mercados financeiros de todo o mundo. Segundo a mídia local, hoje o Estado da Carolina do Sul registrou 770 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, um novo recorde.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Brasil passa Reino Unido e se torna
2º país do mundo em total de mortos


12/06/2020 | 18:24


De acordo com dados consolidados no começo da noite desta sexta-feira (12) pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), o Brasil tornou-se hoje o segundo país com mais mortes causadas pela covid-19 em todo o mundo, superando o Reino Unido. Segundo o Conass, que considera os dados informados pelas secretarias de saúde de todos os Estados brasileiros e o Distrito Federal, 42.161 pessoas morreram no Brasil em razão de terem sido contaminadas pelo novo coronavírus. O número atualizado hoje pelo governo britânico informa que 41.481 são os óbitos no Reino Unido até o momento.

O total de mortos no Brasil aumentou em 1.242 nas últimas 24 horas, enquanto no mesmo período o Reino Unido identificou 202 mortes associadas à covid-19. À frente do total de mortos pela doença no Brasil está somente o dado dos Estados Unidos, que registrou mais 947 mortes por covid-19 e agora tem 113.914 vítimas fatais do novo coronavírus, segundo o Centro de Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês).

No total de casos, o Brasil também é o segundo do mundo, novamente atrás dos Estados Unidos. São agora 843.406 contaminações identificadas aqui (aumento de 40.578, um novo recorde) e 2.016.027 nos Estados Unidos (acréscimo de 21.744 casos). Mais uma vez o Brasil foi o país que mais registrou novos casos e também novas mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas.

Apesar do constante crescimento de casos e de mortes por covid-19, vários Estados brasileiros estão atualmente em fase de reabertura de suas economias. Nos últimos dias, dezenas de Estados americanos experimentaram aumentos nos números da covid-19, incluindo Texas, Califórnia e Flórida, o que aumentou temores de uma segunda onda de contaminações e acabou afetando negativamente mercados financeiros de todo o mundo. Segundo a mídia local, hoje o Estado da Carolina do Sul registrou 770 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, um novo recorde.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;