Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 14 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Equilibrar trabalho e vida pessoal


Cíntia Bortotto

23/07/2018 | 07:31


Mês de julho e muitas pessoas acabam aproveitando para tirar as férias junto com as férias escolares e, assim, aproveitar para passar um tempinho a mais com os filhos. Isso é essencial para a sua saúde mental e para quem quer conseguir equilibrar com eficiência a vida pessoal e o trabalho. O fato é que a vida tem vários pilares. Se você se alicerça em um só, a tendência é ter problemas no futuro.

Executivos com mais de 40 anos acabam procurando ajuda de psicólogos, porque colocam toda sua energia de vida em um lugar só. Muitas pessoas acabam desenvolvendo alguns distúrbios relacionados ao trabalho, quando não sabem equilibrar os pilares da vida. Um dos maiores exemplos disso são os chamados workaholics, ou seja, pessoas viciadas em trabalho.

A expressão norte-americana vem da palavra alcoholic (viciado em álcool). Vários podem ser os motivos para a pessoa se tornar um workaholic, desde ter muito prazer com o trabalho – e, então, esse prazer vira uma compulsão – até o redirecionamento da energia dedicada a outras esferas da vida para o trabalho, quando uma dessas esferas não vai bem. Algumas pessoas ainda desenvolvem esse vício porque sentem que precisam mostrar mais do que a média sua capacidade de trabalho para serem reconhecidas.

Para evitar esse problema, seguem algumas dicas:

– Ouça feedbacks e faça uma autoanálise: ‘Meu ritmo de trabalho está adequado com o da maioria das pessoas?’;
– Faça atividade física, ela ajuda inclusive com o sono;
– Condicione alguns compromissos que o obriguem a sair no horário, pelo menos em alguns dias da semana.

Para descobrir se você tem este vício, observe sinais como:

– Vontade incontrolável de ver e-mails e trabalhar mesmo em horários pouco convencionais (na madrugada, por exemplo);
– Não conseguir se desligar do trabalho;
– Trabalhar muitas horas por dia por longos períodos;
– Feedback de outras pessoas de que você não está equilibrando bem várias esferas do dia;
– Somatização;
– Doenças relacionadas ao estresse.

Para finalizar, gostaria de esclarecer que é fundamental saber dar atenção à carreira e a todos os outros relacionamentos que temos em nossa vida, seja com o marido, com os filhos, com a família ou com os amigos.

Siga confiante e boa sorte!  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;