Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 3 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Quem lembra do time da Bela Vista da Vila São José?

Rolando Marques nunca quis deixar o jornalismo esportivo do Grande ABC, apesar dos muitos convites vindos da Capital


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

06/09/2010 | 00:00


Rolando Marques nunca quis deixar o jornalismo esportivo do Grande ABC, apesar dos muitos convites vindos da Capital. Edward de Souza, pelo contrário, seguiu carreira em São Paulo, em rádio e jornal. Hoje, de volta à sua terra natal, Franca, mantém um blog disputadíssimo que merece ser conectado. Anotem: http://artigosedwardsouza.blogspot.com

* * *

Oswaldo Lavrado nasceu em São Caetano, em 1941, à Rua São Francisco, Centro, filho de Santiago Lavrado e Adélia Conceição Lavrado. Tem uma filha, Regiane Lavrado, e dois netos, Thaina e Guilherme. Sua passagem pelo Diário do Grande ABC, rádio e jornal, contabiliza 25 anos de casa.

Das fotos que Lavrado nos enviou, separamos, na sequencia, uma de cada década, focalizando time que se foi, o costume de um jogo entre solteiros versus casados, a confraternização da equipe esportiva Os Craques do Rádio e o nosso personagem entrevistando Gilson Menezes, o sindicalista que comandou a primeira greve da história contemporânea do sindicalismo do Grande ABC, em 1978, na Scania-Vabis. Gilson é o atual vice-prefeito de Diadema.

As legendas das fotos são do próprio Lavrado, todas devidamente datadas, identificadas. As imagens trazem nomes de esportistas e profissionais da imprensa local. Todos estreitamente ligados à história contemporânea do Grande ABC.

Crônica de São Bernardo

Texto: Benjamin Versolato

Quando contava com apenas 6 meses de idade, mudamos para a Rua Marechal Deodoro, bem em frente à travessa do mesmo nome, conhecida na época por beco, no Centro de São Bernardo. A casa tinha paredes rebocadas com uma demão de cal. O piso era de tijolos à vista sem ao menos um cimento para dar-lhe acabamento. Não possuía forro, ficando as telhas bem visíveis. Moramos na nova casa durante nove anos, entre 1930 e 1939.

EM 6 DE SETEMBRO DE...

1865 - Trem que fazia a primeira viagem experimental entre São Paulo e Santos acidenta-se entre as estações Luz e Brás. Uma pessoa morre e outras ficam feridas.

1950 - Fundação da Sociedade Esportiva Gisela, de São Caetano.

Inauguração do Cine Tangará, em Santo André.

Trabalhadores

Nasce em 6 de setembro:

1908 - Joaquim dos Santos, natural da Capital. Servente da Rhodia. Residia à Rua Anhanguera, 7.

Fonte: 1º livro geral de registro dos associados do Sindicato dos Químicos do ABC.

DIÁRIO HÁ 30 ANOS

Sábado, 6 de setembro de 1980

Manchete - Figueiredo (João, presidente da República) diz que o petróleo vai ter importação reduzida

Sindicalismo - Médicos do Hospital Municipal de Santo André entram em greve.

São Bernardo - Invasão de barracos na Estrada Simão Portela, em Riacho Grande.

Editorial - A que preço vem essa prorrogação (dos mandatos municipais)?

Coluna social (Chiquinho Palmério) - "Os tesouras dos elegantes e os tesouras das cabeças bem penteadas comemoram seu dia, hoje. Explico melhor: está no calendário que comemora-se, hoje, o Dia do Alfaiate e o Dia do Barbeiro e do Cabeleireiro. A grande festa ficará por conta dos alfaiates que promoverão big jantar no Tênis de Santo André".

SANTOS DO DIA

Beltrão, Eleutério, Fausto, Ledo, Mansueto, Umberto e Zacarias.

Na estampa, Santo Eleutério. Abade. Viveu em Roma no século 5º.

Crédito da estampa: acervo Vangelista Bazani (Gili) e João de Deus Martinez

MUNICÍPIOS PAULISTAS

4 Boituva. Elevado a município em 6 de setembro de 1937, quando se separa de Porto Feliz.

4 Ribeirão Branco. Elevado a município em 6 de setembro de 1892, quando se separa de Itapeva.

HOJE

Dia do Alfaiate, Dia do Barbeiro e Dia do Cabeleireiro e Dia do Hino Nacional Brasileiro.

STEPHANIA BROGAITE VARGA

(Lituânia 12-8-1912 - Santo André 25-8-2010)

Uma jornada e tanto foi cumprida por dona Stephania. A vinda ao Brasil aos 12 anos de idade. A ida para a região de Araçatuba, seguida pela fixação em Barretos. Ali se casa com Stefan Barga, húngaro de nascimento, e tem os seis filhos. Duas meninas morrem crianças. Depois, família constituída, a mudança para Santo André, 60 anos atrás.

A família Varga passa a morar em Utinga, já que o Sr. Stefan trabalha na Swift. Ele falece em 1958, e cabe à esposa Stephania completar a educação dos filhos. "Ela passou valores muito importantes a todos nós, tornou-nos cidadãos", conta a filha Linda Varga.

Dona Stephania gostava muito de ler e de mexer com plantas. Era muito religiosa, frequentadora da Paróquia Santa Maria Goretti, ainda no tempo do padre e depois monsenhor Renato Angelucci. Com a partida do marido, a família continuou em Utinga, vivendo da pensão do pai, numa época em que os filhos eram estudantes e preparavam-se para a vida profissional.

Stephania Brogaite Varga partiu aos 98 anos. Deixa os filhos Elza, Linda e João. Um quarto filho, Miguel, já é falecido, a exemplo das pequenas Maria e Rosa, falecidas em Barretos. Deixa também sete netos, oito bisnetos e quatro tataranetos. Está sepultada no Cemitério de Camilópolis.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Quem lembra do time da Bela Vista da Vila São José?

Rolando Marques nunca quis deixar o jornalismo esportivo do Grande ABC, apesar dos muitos convites vindos da Capital

Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

06/09/2010 | 00:00


Rolando Marques nunca quis deixar o jornalismo esportivo do Grande ABC, apesar dos muitos convites vindos da Capital. Edward de Souza, pelo contrário, seguiu carreira em São Paulo, em rádio e jornal. Hoje, de volta à sua terra natal, Franca, mantém um blog disputadíssimo que merece ser conectado. Anotem: http://artigosedwardsouza.blogspot.com

* * *

Oswaldo Lavrado nasceu em São Caetano, em 1941, à Rua São Francisco, Centro, filho de Santiago Lavrado e Adélia Conceição Lavrado. Tem uma filha, Regiane Lavrado, e dois netos, Thaina e Guilherme. Sua passagem pelo Diário do Grande ABC, rádio e jornal, contabiliza 25 anos de casa.

Das fotos que Lavrado nos enviou, separamos, na sequencia, uma de cada década, focalizando time que se foi, o costume de um jogo entre solteiros versus casados, a confraternização da equipe esportiva Os Craques do Rádio e o nosso personagem entrevistando Gilson Menezes, o sindicalista que comandou a primeira greve da história contemporânea do sindicalismo do Grande ABC, em 1978, na Scania-Vabis. Gilson é o atual vice-prefeito de Diadema.

As legendas das fotos são do próprio Lavrado, todas devidamente datadas, identificadas. As imagens trazem nomes de esportistas e profissionais da imprensa local. Todos estreitamente ligados à história contemporânea do Grande ABC.

Crônica de São Bernardo

Texto: Benjamin Versolato

Quando contava com apenas 6 meses de idade, mudamos para a Rua Marechal Deodoro, bem em frente à travessa do mesmo nome, conhecida na época por beco, no Centro de São Bernardo. A casa tinha paredes rebocadas com uma demão de cal. O piso era de tijolos à vista sem ao menos um cimento para dar-lhe acabamento. Não possuía forro, ficando as telhas bem visíveis. Moramos na nova casa durante nove anos, entre 1930 e 1939.

EM 6 DE SETEMBRO DE...

1865 - Trem que fazia a primeira viagem experimental entre São Paulo e Santos acidenta-se entre as estações Luz e Brás. Uma pessoa morre e outras ficam feridas.

1950 - Fundação da Sociedade Esportiva Gisela, de São Caetano.

Inauguração do Cine Tangará, em Santo André.

Trabalhadores

Nasce em 6 de setembro:

1908 - Joaquim dos Santos, natural da Capital. Servente da Rhodia. Residia à Rua Anhanguera, 7.

Fonte: 1º livro geral de registro dos associados do Sindicato dos Químicos do ABC.

DIÁRIO HÁ 30 ANOS

Sábado, 6 de setembro de 1980

Manchete - Figueiredo (João, presidente da República) diz que o petróleo vai ter importação reduzida

Sindicalismo - Médicos do Hospital Municipal de Santo André entram em greve.

São Bernardo - Invasão de barracos na Estrada Simão Portela, em Riacho Grande.

Editorial - A que preço vem essa prorrogação (dos mandatos municipais)?

Coluna social (Chiquinho Palmério) - "Os tesouras dos elegantes e os tesouras das cabeças bem penteadas comemoram seu dia, hoje. Explico melhor: está no calendário que comemora-se, hoje, o Dia do Alfaiate e o Dia do Barbeiro e do Cabeleireiro. A grande festa ficará por conta dos alfaiates que promoverão big jantar no Tênis de Santo André".

SANTOS DO DIA

Beltrão, Eleutério, Fausto, Ledo, Mansueto, Umberto e Zacarias.

Na estampa, Santo Eleutério. Abade. Viveu em Roma no século 5º.

Crédito da estampa: acervo Vangelista Bazani (Gili) e João de Deus Martinez

MUNICÍPIOS PAULISTAS

4 Boituva. Elevado a município em 6 de setembro de 1937, quando se separa de Porto Feliz.

4 Ribeirão Branco. Elevado a município em 6 de setembro de 1892, quando se separa de Itapeva.

HOJE

Dia do Alfaiate, Dia do Barbeiro e Dia do Cabeleireiro e Dia do Hino Nacional Brasileiro.

STEPHANIA BROGAITE VARGA

(Lituânia 12-8-1912 - Santo André 25-8-2010)

Uma jornada e tanto foi cumprida por dona Stephania. A vinda ao Brasil aos 12 anos de idade. A ida para a região de Araçatuba, seguida pela fixação em Barretos. Ali se casa com Stefan Barga, húngaro de nascimento, e tem os seis filhos. Duas meninas morrem crianças. Depois, família constituída, a mudança para Santo André, 60 anos atrás.

A família Varga passa a morar em Utinga, já que o Sr. Stefan trabalha na Swift. Ele falece em 1958, e cabe à esposa Stephania completar a educação dos filhos. "Ela passou valores muito importantes a todos nós, tornou-nos cidadãos", conta a filha Linda Varga.

Dona Stephania gostava muito de ler e de mexer com plantas. Era muito religiosa, frequentadora da Paróquia Santa Maria Goretti, ainda no tempo do padre e depois monsenhor Renato Angelucci. Com a partida do marido, a família continuou em Utinga, vivendo da pensão do pai, numa época em que os filhos eram estudantes e preparavam-se para a vida profissional.

Stephania Brogaite Varga partiu aos 98 anos. Deixa os filhos Elza, Linda e João. Um quarto filho, Miguel, já é falecido, a exemplo das pequenas Maria e Rosa, falecidas em Barretos. Deixa também sete netos, oito bisnetos e quatro tataranetos. Está sepultada no Cemitério de Camilópolis.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;