Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 18 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Decifrando os rótulos



02/09/2011 | 00:00


Você acha difícil compreender o que está escrito nos rótulos das embalagens?Então vamos lhe ajudar. Por exemplo, quando você encontrar as palavras açúcar invertido, maltodextrina, dextrose ou sacarose, significa que o produto contém açúcar. VD significa valores diários de referência, baseados numa alimentação de 2000 kcal por dia. Já as gorduras totais são a soma da quantidade de gorduras saturadas, monoinsaturadas, polinsaturadas e trans. Aditivos são ingredientes químicos usados para conservar ou deixar o alimento com melhor aparência. Os mais comuns são os acidulantes, que realçam o sabor ácido dos alimentos e os conservantes que mantêm os alimentos em boas as condições de consumo. Os emulsificantes dão consistência ao alimento, sendo o mais comum a lecitina de soja. Os estabilizantes unem ingredientes que normalmente não se misturam e assim dão textura ao alimento. E os edulcorantes garantem o sabor doce aos alimentos, porém com baixo valor calórico. Por Marco de Cardoso



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Decifrando os rótulos


02/09/2011 | 00:00


Você acha difícil compreender o que está escrito nos rótulos das embalagens?Então vamos lhe ajudar. Por exemplo, quando você encontrar as palavras açúcar invertido, maltodextrina, dextrose ou sacarose, significa que o produto contém açúcar. VD significa valores diários de referência, baseados numa alimentação de 2000 kcal por dia. Já as gorduras totais são a soma da quantidade de gorduras saturadas, monoinsaturadas, polinsaturadas e trans. Aditivos são ingredientes químicos usados para conservar ou deixar o alimento com melhor aparência. Os mais comuns são os acidulantes, que realçam o sabor ácido dos alimentos e os conservantes que mantêm os alimentos em boas as condições de consumo. Os emulsificantes dão consistência ao alimento, sendo o mais comum a lecitina de soja. Os estabilizantes unem ingredientes que normalmente não se misturam e assim dão textura ao alimento. E os edulcorantes garantem o sabor doce aos alimentos, porém com baixo valor calórico. Por Marco de Cardoso

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;