Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 24 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

ONU informa que sírios refugiados passam de 2 milhões

Salvatore Di Nolfi/AP Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra


03/09/2013 | 05:37


A agência de refugiados da Organização das Nações Unidas (ONU) informou que o número de refugiados da

Síria já ultrapassou a marca de 2 milhões, representando outro aspecto de uma guerra civil que não mostra sinais de melhora.

De acordo com Antonio Guterres, chefe do Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, aproximadamente 5 mil pessoas deixam a Síria por dia. Apenas nos últimos 12 meses, Guterres estima que saíram 1,8 milhão de pessoas do território sírio.

A enviada especial da ONU, Angelina Jolie, disse que "alguns países vizinhos podem chegar a um colapso caso a situação continue a deteriorar no ritmo atual".Fonte: Associated Press.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

ONU informa que sírios refugiados passam de 2 milhões


03/09/2013 | 05:37


A agência de refugiados da Organização das Nações Unidas (ONU) informou que o número de refugiados da

Síria já ultrapassou a marca de 2 milhões, representando outro aspecto de uma guerra civil que não mostra sinais de melhora.

De acordo com Antonio Guterres, chefe do Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, aproximadamente 5 mil pessoas deixam a Síria por dia. Apenas nos últimos 12 meses, Guterres estima que saíram 1,8 milhão de pessoas do território sírio.

A enviada especial da ONU, Angelina Jolie, disse que "alguns países vizinhos podem chegar a um colapso caso a situação continue a deteriorar no ritmo atual".Fonte: Associated Press.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;