Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 20 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Região tem 74 áreas com algum tipo de contaminação, diz Cetesb

Denis Maciel/DGABC Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Número equivale a 21% do total de terrenos examinados em 2013


Fábio Munhoz
Do Diário do Grande ABC

04/06/2014 | 07:00


Relatório anual divulgado ontem pela Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) aponta que, até dezembro de 2013, o Grande ABC possuía 74 áreas com algum tipo de contaminação do solo, água ou ar. O número equivale a aproximadamente 21% dos 353 terrenos examinados nas sete cidades da região. A quantidade de locais remediados ou em processo de reabilitação permaneceu estável em relação ao levantamento divulgado no ano anterior.

Entre os espaços onde houve detecção de poluentes, 60 (81%) apresentavam risco de contaminação confirmado, enquanto dez (13,5%) estavam sob investigação e o restante em processo de reutilização. Outros 123 terrenos passavam por monitoramento para certificação de que as substâncias tóxicas foram, de fato, eliminadas. Apenas 51 já foram consideradas reabilitadas.

O monitoramento das áreas é feito após a descontaminação. Equipes da Cetesb observam o local por dois anos para que haja confirmação de que a retirada dos poluentes foi feita de maneira satisfatória. Nesse caso, a classificação é alterada para reabilitada. Se o proprietário do terreno não providenciar a limpeza indicada pela companhia, pode receber multa no valor de até R$ 77,4 milhões.

Grande parte dos espaços poluídos no Grande ABC é ocupada por postos de combustíveis. A situação é atribuída a ocorrência de vazamentos em tanques e tubulações para armazenamento.

O levantamento também aponta contaminações em áreas como espaços públicos, garagens de ônibus e até condomínios residenciais. O terreno onde hoje funciona o campus de Santo André da UFABC (Universidade Federal do ABC), no bairro Bangu, passa por processo de descontaminação.

A equipe do Diário procurou técnicos da Cetesb para comentar os números, mas a companhia não retornou os pedidos até o fechamento desta edição. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;