Fechar
Publicidade

Sábado, 6 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

Antigo aliado do PSDB, PPS vai com França


Fábio Martins

23/03/2018 | 07:00


PPS muda rota e anuncia apoio à pré-candidatura do vice-governador de São Paulo, Márcio França (PSB), que assume o Palácio dos Bandeirantes a partir do dia 7. Desde 2006, em todas as eleições para o Estado, o PPS caminhava lado a lado com o tucanato – o primeiro pleito da união se deu com José Serra, há 12 anos, e nos outros dois com Geraldo Alckmin. Desta vez, dando o tom da reviravolta, o partido acertou essa adesão, mesmo a contragosto de Roberto Freire, presidente nacional da legenda. Líder do PPS na Câmara Federal, o deputado Alex Manente, com base em São Bernardo, apareceu entre os fiadores da aliança. Alex tem avaliado que o tucano João Doria, nome colocado pelo tucanato à empreitada, sofrerá desgaste por deixar a prefeitura da Capital antes do término do mandato.

BASTIDORES

Útil ao agradável
Integrantes de um movimento de moradia que representa moradores que buscam a regularização de um lote na região do Sítio Joaninha, em Diadema, estiveram no Legislativo cobrando solução do governo Lauro Michels (PV). O tempo regimental do líder do grupo havia encerrado, mas o presidente da Casa, Marcos Michels (PSB) deixou a fala acontecer até o final, até porque no discurso sobraram críticas à secretária de Habitação, Regina Gonçalves (PV). Pré-candidato a deputado estadual, o dirigente da Casa tenta apoio do governo do primo para disputar o pleito, mas Regina é a preferida na disputa interna.

Títulos eleitorais
Depois da confirmação de concessão de título de cidadão andreense ao prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), pré-candidato ao governo do Estado, a Câmara de Santo André publicou ontem no Diário Oficial o título a Luiz Marinho (PT), ex-prefeito de São Bernardo e que tende a ser ratificado sábado como nome petista à disputa paulista. Os eventos serão basicamente para criar palanque eleitoral para ambos. Há também requerimento com o mesmo teor para o atual vice-prefeito da Capital, Bruno Covas (PSDB) – o tucano assume a prefeitura a partir de 7 de abril.

Nome ventilado
No Psol de Santo André há discussão para que o ex-vereador Ricardo Alvarez seja candidato a deputado na empreitada de outubro, mas ele tem avisado que não tem interesse em entrar novamente na disputa eleitoral. Presidente da executiva municipal, Diego Tavares alegou que essa questão ainda está sendo processada na esfera local. “Até o fim deste mês estará definido.”

MBL em Santo André
Está programado para o dia 14 de abril o primeiro congresso do MBL (Movimento Brasil Livre) na região. Será no Hotel Hilton Garden Inn, situado na Avenida Giovani Batista Pirelli, das 9h às 21h. Além de Kim Kataguiri, Arthur do Val, ambos candidatos a deputado, e do vereador paulistano Fernando Holiday (DEM), os prefeitos Orlando Morando (PSDB), de São Bernardo, e Paulo Serra (PSDB), de Santo André, confirmaram presença.

Não antecipar etapas
A estratégia de alguns vereadores da bancada de sustentação do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), em antecipar as discussões para a eleição à presidência da Câmara não tem sido bem vista pelo núcleo duro do Paço. A avaliação é que qualquer debate neste momento não tem base forte, principalmente porque o cenário de discussão sobre as candidaturas à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal está embaralhada, longe de uma definição.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Antigo aliado do PSDB, PPS vai com França

Fábio Martins

23/03/2018 | 07:00


PPS muda rota e anuncia apoio à pré-candidatura do vice-governador de São Paulo, Márcio França (PSB), que assume o Palácio dos Bandeirantes a partir do dia 7. Desde 2006, em todas as eleições para o Estado, o PPS caminhava lado a lado com o tucanato – o primeiro pleito da união se deu com José Serra, há 12 anos, e nos outros dois com Geraldo Alckmin. Desta vez, dando o tom da reviravolta, o partido acertou essa adesão, mesmo a contragosto de Roberto Freire, presidente nacional da legenda. Líder do PPS na Câmara Federal, o deputado Alex Manente, com base em São Bernardo, apareceu entre os fiadores da aliança. Alex tem avaliado que o tucano João Doria, nome colocado pelo tucanato à empreitada, sofrerá desgaste por deixar a prefeitura da Capital antes do término do mandato.

BASTIDORES

Útil ao agradável
Integrantes de um movimento de moradia que representa moradores que buscam a regularização de um lote na região do Sítio Joaninha, em Diadema, estiveram no Legislativo cobrando solução do governo Lauro Michels (PV). O tempo regimental do líder do grupo havia encerrado, mas o presidente da Casa, Marcos Michels (PSB) deixou a fala acontecer até o final, até porque no discurso sobraram críticas à secretária de Habitação, Regina Gonçalves (PV). Pré-candidato a deputado estadual, o dirigente da Casa tenta apoio do governo do primo para disputar o pleito, mas Regina é a preferida na disputa interna.

Títulos eleitorais
Depois da confirmação de concessão de título de cidadão andreense ao prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), pré-candidato ao governo do Estado, a Câmara de Santo André publicou ontem no Diário Oficial o título a Luiz Marinho (PT), ex-prefeito de São Bernardo e que tende a ser ratificado sábado como nome petista à disputa paulista. Os eventos serão basicamente para criar palanque eleitoral para ambos. Há também requerimento com o mesmo teor para o atual vice-prefeito da Capital, Bruno Covas (PSDB) – o tucano assume a prefeitura a partir de 7 de abril.

Nome ventilado
No Psol de Santo André há discussão para que o ex-vereador Ricardo Alvarez seja candidato a deputado na empreitada de outubro, mas ele tem avisado que não tem interesse em entrar novamente na disputa eleitoral. Presidente da executiva municipal, Diego Tavares alegou que essa questão ainda está sendo processada na esfera local. “Até o fim deste mês estará definido.”

MBL em Santo André
Está programado para o dia 14 de abril o primeiro congresso do MBL (Movimento Brasil Livre) na região. Será no Hotel Hilton Garden Inn, situado na Avenida Giovani Batista Pirelli, das 9h às 21h. Além de Kim Kataguiri, Arthur do Val, ambos candidatos a deputado, e do vereador paulistano Fernando Holiday (DEM), os prefeitos Orlando Morando (PSDB), de São Bernardo, e Paulo Serra (PSDB), de Santo André, confirmaram presença.

Não antecipar etapas
A estratégia de alguns vereadores da bancada de sustentação do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), em antecipar as discussões para a eleição à presidência da Câmara não tem sido bem vista pelo núcleo duro do Paço. A avaliação é que qualquer debate neste momento não tem base forte, principalmente porque o cenário de discussão sobre as candidaturas à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal está embaralhada, longe de uma definição.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;