Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 22 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Aluna passa mal com ‘Tropa de Elite’


Luciano Cavenagui
Do Diário do Grande ABC

29/09/2007 | 07:23


Uma adolescente passou mal sexta-feira durante a exibição de uma cópia pirata do filme Tropa de Elite na sala de aula dentro da Escola Estadual Francisco Pavanello, no Jardim Las Vegas, em Santo André.

A garota, aluna da 8ª série do ensino fundamental, sentiu enjôo por causa das cenas de violência mostradas.

O longa-metragem é proibido para menores de 16 anos. Grande parte dos estudantes da 8ª série é formada por adolescentes entre 14 e 15 anos.

O filme só irá estrear no grande circuito de cinema na próxima sexta-feira, mas já virou coqueluche nas barracas dos camelôs.

A exibição foi proposta sexta-feira de manhã por um estudante durante uma aula de Matemática. Ele trouxe a cópia pirata e mostrou para a professora. A iniciativa ganhou apoio da maioria dos alunos. Durante o filme, a garota sentiu enjôos e saiu da sala. Foi medicada e depois melhorou.

Alguns professores reclamaram da sessão de cinema pirata não só porque ocupou o tempo de aulas posteriores, mas também por considerarem as imagens de violência inadequadas para os alunos. Também se queixaram da suposta omissão da diretora, Sueli Oliveira, que não teria tomado qualquer providência.

Para confirmar as informações, o repórter telefonou para a diretora se identificando como pai de um aluno. “A professora aceitou a idéia para fazer um debate sobre a violência. Eu não sabia antes qual era o filme. Se soubesse, não tinha permitido. Não tomei conhecimento de nenhuma aluna que passou mal”, afirmou a diretora.

Minutos depois, outro repórter telefonou para Sueli e se identificou como jornalista. Desta vez, a diretora se mostrou surpresa com a exibição. Questionada sobre se não tinha controle dos filmes, respondeu: “Só vi que a sala estava reservada, mas não sabia que filme era”. A respeito da cópia pirata, disse que iria averiguar o caso.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;