Fechar
Publicidade

Sábado, 25 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Falso policial é preso tentando extorquir comerciante



17/06/2011 | 06:57


Policiais militares do 44º Batalhão detiveram, na noite de ontem, Davidson Stuart Maciel de Almeida, de 27 anos, acusado de se passar por policial civil na tentativa de extorquir o proprietário de um mercado na cidade de Guarulhos, na Grande São Paulo.

Por volta do meio-dia, portando um revólver calibre 38 e uma falsa carteira da Polícia Civil, Almeida, depois de verificar alguns alimentos que supostamente estavam vencidos, passou pelo caixa do estabelecimento e apresentou-se como policial ameaçando multar o proprietário em R$ 15 mil.

O criminoso então entrou em um Ford Fiesta e prometeu voltar. Eram 18h40 quando o golpista retornou e exigiu dinheiro para não autuar o estabelecimento. Desconfiado, o comerciante ligou para a PM, que deteve Almeida em flagrante, encaminhado o falso policial para o 4º Distrito Policial da cidade.

No Fiesta do acusado, os PMs encontraram uma arma de chumbinho. Almeida, que já tem passagem pela polícia e desta vez foi autuado por porte ilegal de arma, falsidade ideológica e extorsão, disse que comprou o falso documento da Polícia Civil na Praça da Sé, no centro da capital, e que adquiriu as armas em uma pizzaria onde trabalhava.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Falso policial é preso tentando extorquir comerciante


17/06/2011 | 06:57


Policiais militares do 44º Batalhão detiveram, na noite de ontem, Davidson Stuart Maciel de Almeida, de 27 anos, acusado de se passar por policial civil na tentativa de extorquir o proprietário de um mercado na cidade de Guarulhos, na Grande São Paulo.

Por volta do meio-dia, portando um revólver calibre 38 e uma falsa carteira da Polícia Civil, Almeida, depois de verificar alguns alimentos que supostamente estavam vencidos, passou pelo caixa do estabelecimento e apresentou-se como policial ameaçando multar o proprietário em R$ 15 mil.

O criminoso então entrou em um Ford Fiesta e prometeu voltar. Eram 18h40 quando o golpista retornou e exigiu dinheiro para não autuar o estabelecimento. Desconfiado, o comerciante ligou para a PM, que deteve Almeida em flagrante, encaminhado o falso policial para o 4º Distrito Policial da cidade.

No Fiesta do acusado, os PMs encontraram uma arma de chumbinho. Almeida, que já tem passagem pela polícia e desta vez foi autuado por porte ilegal de arma, falsidade ideológica e extorsão, disse que comprou o falso documento da Polícia Civil na Praça da Sé, no centro da capital, e que adquiriu as armas em uma pizzaria onde trabalhava.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;