Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 18 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Justiça de Manaus decreta falência do Grupo Baltazar

Empresa operava três linhas municipais de Santo André; dívida chega a R$ 1 bilhão


Da Redação

27/01/2022 | 08:22


A Justiça de Manaus decretou ontem a falência do Grupo Baltazar, que operava três linhas municipais do transporte público de Santo André por meio da Empresa Urbana: B13 (Jardim Aclimação – Vila Alice), B19 (bairro Campestre – Jardim Aclimação) e S36 (Rodoviária – Parque Capuava). A decisão foi do juiz Rosselberto Himenes, da 7ª Vara Cível e de Acidentes de Trabalho, do Tribunal de Justiça do Amazonas, que aceitou pedido feito pelo Ministério Público do Estado e pela Administradora Judicial.

O Grupo Baltazar estava há dez anos em recuperação judicial. De acordo com a PGFN (Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional), as dívidas das empresas ultrapassam R$ 1 bilhão – os advogados contestam esse valor.

De acordo com o juiz, o plano de recuperação do grupo não vinha sendo cumprido e as empresas se tornaram inviáveis. “O descumprimento do plano no período de supervisão judicial é evidente, diante das diversas apurações do administrador judicial e da própria confissão das recuperandas, que sequer sabem quais são os créditos remanescentes. No mais, a inviabilidade da empresa restou cabalmente demonstrada, pelos sucessivos prejuízos da operação”, escreveu Himenes.

As três linhas que eram operadas pelo Grupo Baltazar a partir de hoje serão de responsabilidade das viações que compõem o Consórcio União Santo André. No total, 22 ônibus fazem os três itinerários. 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;