Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 17 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

|

E o governo intervém na greve de 1980

No 18º dia da greve dos metalúrgicos do Grande ABC, em 1980, a posse dos interventores


Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

18/04/2010 | 00:00


No 18º dia da greve dos metalúrgicos do Grande ABC, em 1980, a posse dos interventores. Caem: Benedito Marcilio, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Santo André, e Lula, de São Bernardo. Assumem os interventores: Guaracy de Souza Sampaio, em Santo André; Oswaldo Pereira Aguiar Baptista, em São Bernardo.

Há resistência e protesto nas duas cidades. Pelo menos nove manifestantes são presos em São Bernardo. O choque entre policiais e trabalhadores é inevitável. Gás lacrimogêneo alcança ruas e praças. Grevistas e jornalistas e até um senhor bilheteiro são feridos.

Lula e Marcilio deixam seus sindicatos. Lula diz que a nova situação não vai impedi-lo de continuar lutando em benefício dos trabalhadores. Marcilio lança um desafio: "Quero ver quem vai fazer o trabalhador sair de casa amanhã para ir trabalhar."

Os interventores são funcionários de carreira do Ministério do Trabalho. Declaram que organizarão os sindicatos administrativamente, deixando a parte política para Murilo Macedo, ministro do Trabalho.

Um bilhete encontrado no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo é fotografado pelo Diário: "Hoje os metalúrgicos estão dizendo não à intervenção. Nós não podemos ficar calados à espera que os patrões nos roubem até a voz. Hoje é dia de luto para os trabalhadores, porque é dia de batalha perdida, mas a luta apenas começa. Deixamos o prédio para o ministro do Trabalho, mas a volta do barco está próxima."

O bilhete leva uma única assinatura: "Mão de graxa". Era o 18º dia de greve. Outros 23 seriam vividos. Somente naquele 18 de abril de 1980, os repórteres-fotográficos do Diário tiraram 300 fotografias, todas preservadas, e das quais selecionamos as quatro imagens de hoje.

Sexta-feira, 18 de abril de 1980

Manchete - Governo intervém nos metalúrgicos

Editorial - Males e remédios que se repetem

Educação - Fundação Santo André demite 20 funcionários.
Diário - Gióia Jr. reinicia a coluna Encontro, com crônicas diárias.

São Bernardo - Sesi apresenta maquete de seu conjunto em São Bernardo: 41 mil m² no bairro Assunção.

Polícia - Comerciante é morto a tiros no bairro Fundação.

EM 18 DE ABRIL DE...

1911 - Instalado o Distrito de Paz de Santo André.


1925 - Noticia o semanário O Comércio de São Bernardo que caiu o movimento das ruas e bares em São Caetano desde a morte do curandeiro Vicente Rodrigues Vieira.

1945 - Presidente Vargas assina o decreto-lei 7.474, de anistia aos presos políticos. Operários festejam em Santo André.

Trabalhadores
Nasce em 18 de abril:

1912 - Arcilio Munarini. Associado nº 1.096 do Sindicato dos Químicos. Servente de fabricação da Rhodia Química. Residência: Rua Ribeirão Pires, 182, Santo André.
Fonte: 1º livro geral de registro dos associados do Sindicato dos Químicos do ABC.

MUNICÍPIO PAULISTA

Bilac, emancipado de Penápolis em 1944. O 18 de abril refere-se à data em que foi lavrada a escritura de doação de sua área ao patrimônio estadual. Homenageia o poeta Olavo Bilac.

HOJE

Dia Nacional do Livro Infantil.

Santo Expedito
Amanhã, Dia de Santo Expedito, a Matriz de Santo André realiza missa solene às 19h, com o novo pároco, padre Danilo José Ravanello. Participação do Coral da Matriz, regido por João Leite. Será entoado o Hino a Santo Expedito, composto pelo andreense Romeo Tonelo. Endereço: Praça Presidente Vargas, 1, Vila Assunção. Como lembra a nossa informante, Edna Nalli Garcia, é a igreja cor-de-rosa.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

E o governo intervém na greve de 1980

No 18º dia da greve dos metalúrgicos do Grande ABC, em 1980, a posse dos interventores

Ademir Medici
Do Diário do Grande ABC

18/04/2010 | 00:00


No 18º dia da greve dos metalúrgicos do Grande ABC, em 1980, a posse dos interventores. Caem: Benedito Marcilio, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Santo André, e Lula, de São Bernardo. Assumem os interventores: Guaracy de Souza Sampaio, em Santo André; Oswaldo Pereira Aguiar Baptista, em São Bernardo.

Há resistência e protesto nas duas cidades. Pelo menos nove manifestantes são presos em São Bernardo. O choque entre policiais e trabalhadores é inevitável. Gás lacrimogêneo alcança ruas e praças. Grevistas e jornalistas e até um senhor bilheteiro são feridos.

Lula e Marcilio deixam seus sindicatos. Lula diz que a nova situação não vai impedi-lo de continuar lutando em benefício dos trabalhadores. Marcilio lança um desafio: "Quero ver quem vai fazer o trabalhador sair de casa amanhã para ir trabalhar."

Os interventores são funcionários de carreira do Ministério do Trabalho. Declaram que organizarão os sindicatos administrativamente, deixando a parte política para Murilo Macedo, ministro do Trabalho.

Um bilhete encontrado no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo é fotografado pelo Diário: "Hoje os metalúrgicos estão dizendo não à intervenção. Nós não podemos ficar calados à espera que os patrões nos roubem até a voz. Hoje é dia de luto para os trabalhadores, porque é dia de batalha perdida, mas a luta apenas começa. Deixamos o prédio para o ministro do Trabalho, mas a volta do barco está próxima."

O bilhete leva uma única assinatura: "Mão de graxa". Era o 18º dia de greve. Outros 23 seriam vividos. Somente naquele 18 de abril de 1980, os repórteres-fotográficos do Diário tiraram 300 fotografias, todas preservadas, e das quais selecionamos as quatro imagens de hoje.

Sexta-feira, 18 de abril de 1980

Manchete - Governo intervém nos metalúrgicos

Editorial - Males e remédios que se repetem

Educação - Fundação Santo André demite 20 funcionários.
Diário - Gióia Jr. reinicia a coluna Encontro, com crônicas diárias.

São Bernardo - Sesi apresenta maquete de seu conjunto em São Bernardo: 41 mil m² no bairro Assunção.

Polícia - Comerciante é morto a tiros no bairro Fundação.

EM 18 DE ABRIL DE...

1911 - Instalado o Distrito de Paz de Santo André.


1925 - Noticia o semanário O Comércio de São Bernardo que caiu o movimento das ruas e bares em São Caetano desde a morte do curandeiro Vicente Rodrigues Vieira.

1945 - Presidente Vargas assina o decreto-lei 7.474, de anistia aos presos políticos. Operários festejam em Santo André.

Trabalhadores
Nasce em 18 de abril:

1912 - Arcilio Munarini. Associado nº 1.096 do Sindicato dos Químicos. Servente de fabricação da Rhodia Química. Residência: Rua Ribeirão Pires, 182, Santo André.
Fonte: 1º livro geral de registro dos associados do Sindicato dos Químicos do ABC.

MUNICÍPIO PAULISTA

Bilac, emancipado de Penápolis em 1944. O 18 de abril refere-se à data em que foi lavrada a escritura de doação de sua área ao patrimônio estadual. Homenageia o poeta Olavo Bilac.

HOJE

Dia Nacional do Livro Infantil.

Santo Expedito
Amanhã, Dia de Santo Expedito, a Matriz de Santo André realiza missa solene às 19h, com o novo pároco, padre Danilo José Ravanello. Participação do Coral da Matriz, regido por João Leite. Será entoado o Hino a Santo Expedito, composto pelo andreense Romeo Tonelo. Endereço: Praça Presidente Vargas, 1, Vila Assunção. Como lembra a nossa informante, Edna Nalli Garcia, é a igreja cor-de-rosa.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;