Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 20 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Eficiência administrativa


Paulinho Serra

12/04/2011 | 07:27


Santo André acabou de completar 458 anos, e aniversários desta grandeza nos remetem à reflexão sobre a cidade que queremos para nós e para nossos filhos e netos. Esta reflexão sobre a cidade poderia ter como ponto de partida inúmeros ângulos. Poderíamos tratá-la sob o aspecto de sua pujança econômica, de sua efervescência cultural ou, até mesmo, apontar o futuro com os olhos de quem refletiu a nossa rica história política local/regional. Mas fiquemos, ao menos neste texto, com o que entendo ser o melhor presente que uma cidade poderia receber em seus aniversários: Uma gestão pública eficiente!

Sou entusiasta do tema gestão pública visto pelas lentes da eficiência. Acredito que ainda é possível avançar muito nesse terreno. E por que pensar a administração pública por este prisma? Primeiro porque as demandas são cada vez maiores: queremos mais Saúde, Educação, saneamento básico, transporte de qualidade. Ocorre que tudo isso requer dinheiro, investimentos. E a única forma de ampliar a oferta e a qualidade dos serviços públicos, sem aumentar impostos, é melhorar a gestão e, com o mesmo dinheiro, fazer mais.

A administração pública deve definir com clareza quais são seus objetivos e quais metas quer alcançar, abrindo diálogo com a sociedade civil para negociar projetos comuns, afinal foi-se o tempo em que o Estado agia isoladamente. Depois, essencial o monitoramento das políticas implementadas, com posterior avaliação dos resultados.

Governo que tenha a eficiência como seu princípio basilar deve atender o cidadão com qualidade. São Paulo, por exemplo, tem experiência de grande valor e qualidade no que tange ao atendimento da população que é o Poupatempo. Infelizmente e apesar de nossos esforços, Santo André ainda não conta com tal equipamento, mas que bom seria a administração ter para si o compromisso de disseminar o ‘padrão poupatempo' em toda a sua gestão. E esse padrão não esta somente no nome, na terminologia, está, em verdade, na vocação de servir. E o bem servir não é apenas inaugurar ou construir, mas, essencialmente, cuidar e manter com zelo.

Gestão moderna, a meu ver, é aquela que busca inserir na sociedade nova mentalidade a respeito da gestão pública, rompendo com a imagem de que o poder público é sinônimo de ineficiência. Parabéns a Santo André e à sua população, mas espero para os próximos aniversários que o presente seja gestão pública eficiente que, concretamente, melhore a vida das pessoas.

 

Paulinho Serra é vereador pelo PSDB de Santo André.

 



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;