Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 3 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

PV realiza encontro regional para definir estratégias


Beto Silva
Do Diário do Grande ABC

28/05/2011 | 01:04


 

 O PV realiza hoje, às 10h, no plenarinho do anexo da Câmara de São Bernardo, encontro regional para definir os cinco coordenadores locais e o presidente da bacia hidrográfica que engloba os sete municípios. A reunião também servirá para traçar plano do partido para a disputa das eleições do ano que vem.

Atualmente, representam os verdes na região o prefeito de Ribeirão Pires, Clóvis Volpi, a deputada estadual Regina Gonçalves, a presidente da sigla em São Bernardo, Vera Motta, e o dirigente Eric Lamarca.

Os novos coordenadores e a liderança do Grande ABC serão definidos a partir dos votos dos presidentes dos diretórios municipais e dos atuais nomes que exercem as funções.

O PV é o quarto maior partido nas sete cidades, com 11 vereadores, um prefeito e uma deputada estadual. Só perde para o PT (24 vereadores, três prefeitos, um vice, três deputados estaduais e um deputado federal), PSB (16 vereadores) e PSDB (15 vereadores, um prefeito, um deputado estadual e um federal).

"Podemos crescer ainda mais. Temos de fazer algo bem trabalhado, planejado, organizado, aproveitando esse momento pós-Marina", salientou Vera Motta, ao referir-se à presidenciável verde no pleito do ano passado, que ficou em terceiro lugar na corrida pelo Palácio do Planalto com cerca de 20% dos votos válidos. "Vamos fazer análise da atual conjuntura local e prognóstico para 2012", acrescentou.

O partido deve ter candidato a prefeito em Ribeirão Pires, com indicação do atual dono do posto Clóvis Volpi. Em São Bernardo e Mauá por enquanto ameaça lançar chapa majoritária. Nas demais cidades, provavelmente irá compor com os grupos governistas.

 

NOIVA

Em São Bernardo, o PV é a ‘noiva' da vez. A sigla tem sido assediada para se manter na base de sustentação do prefeito Luiz Marinho (PT) e, consequentemente, apoiar sua reeleição. Também foi procurada por PSDB e PMDB, os quais pretendem ter pleiteante ao Paço. Apesar dos vários interesses de parceiros, há ainda a possibilidade de o próprio PV encabeçar chapa à Prefeitura.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;