Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 2 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

economia@dgabc.com.br | 4435-8057

Liquidações garantem gasto até 130% menor

Consumidores menos ansiosos, que deixaram para fazer
as compras natalinas neste início de mês, se deram bem


Alexandre Melo
do Diário do Grande ABC

07/01/2012 | 07:19


Quem deixou para fazer as compras natalinas neste início de mês se deu bem. As maratonas de liquidação têm garantido aos menos ansiosos gasto até 130%. Esse foi o caso da artesã andreense Maria Santos Amaral Matos, 51 anos, que gastou ontem R$ 903 para comprar um notebook, um ferro de passar, um rádio-relógio, um celular com dois chips e quatro panelas de pressão. Sem os descontos, os produtos sairiam por R$ 2.082.

Após 12 horas na fila - as lojas abriram às 5h de ontem -, Maria foi a segunda consumidora a entrar na unidade do Magazine Luiza na Rua General Glicério, em Santo André. "Queria comprar também uma máquina de lavar, mas como não tinha como fazer o carreto, desisti." Os produtos foram pagos à vista, graças à economia feita durante 2011 guardando até moedas de R$ 1. A estratégia dela é não fazer as compras em dezembro e sempre pesquisar os preços dos itens antes de comprá-los.

Segundo a empresa, as 728 lojas disponibilizaram 3 milhões de produtos para a 19ª edição da Liquidação Fantástica. No fim de semana, tanto o Magazine Luiza quanto as redes Walmart, Casas Bahia e Ponto Frio estão queimando estoque com até 70% de desconto. A rede de móveis e artigos para decoração Etna também faz promoção nas lojas físicas e virtual.

ALIMENTOS

Panetones, aves, cortes suínos e vinhos integram a queima de estoque da supermercadista Coop. O gerente de compras para mercearia e perecíveis Emerson Poppi salienta que a ação é valida somente para as unidades que ainda tiverem itens natalinos remanescentes. "Os descontos podem chegar até a metade do preço."

Panetones de frutas e chocolate com 500 gramas são vendidos por R$ 4,99, sendo que o preço anterior era de R$ 9,98. Entre as bebidas, estão disponíveis rótulos de espumantes franceses, vendidos a partir de R$ 29,90 a unidade. Com mais R$ 0,01, o cliente poderá levar outra garrafa da bebida de marca determinada pela rede.

Venda natalina fica muito abaixo do previsto

O resultado das vendas de Natal foi decepcionante para Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas. Enquanto o setor esperava alta média de 8% nas vendas à vista, o atingido foi apenas 2,42% em relação a dezembro de 2010.

Segundo o presidente da CNDL, Roque Pellizzaro Junior, a frustração foi maior em relação aos produtos da linha branca - que estão com o IPI menor, mas a maioria dos consumidores usou o pagamento do 13º salário para quitar dívidas e retirar o nome do Serviço de Proteção ao Crédito.

No Grande ABC, o desempenho também ficou aquém do programado. Apesar do balanço não ter ficado pronto, o assessor da presidência da Associação Comercial e Industrial de Santo André, Nelson Tadeu Pereira, disse que o número de consultas em dezembro ficou semelhante ao dos meses anteriores. "A intenção era que ficasse igual ao volume de 2010. Mas a queda não foi muito acentuada."

O diretor administrativo da Associação Comercial de Mauá, Luiz Augusto de Almeida, também não tem os números fechados, mas indica que o crescimento ficou cinco pontos percentuais abaixo do esperado. "A perspectiva era avanço de 13% e tudo indica que conseguimos 8%."

As entidades analisam que os consumidores que pretendiam usar o 13º salário para fazer compras estão fazendo isso agora com as liquidações. Houve transferência de aquisições, tanto que as ofertas estão mais agressivas neste começo de ano.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;