Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 9 de Março

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Sete toneladas de drogas apreendidas na região são levada para incineração em Pindamonhangaba

Divulgação  Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Marília Montich
Do Diário OnLine

08/08/2018 | 10:39


Cerca de 7 toneladas de drogas apreendidas entre janeiro e julho deste ano em São Bernardo e São Caetano seguem na manhã desta quarta-feira (8) para a cidade de Pindamonhangaba, onde serão incineradas em uma siderúrgica.

São, precisamente, 7,2 toneladas envolvendo maconha, cocaína, crack e outros entorpecentes, como lança-perfume e LSD. A quantidade é resultado de diversas apreensões ao longo do ano de todas as delegacias atreladas à Seccional de São Bernardo, incluindo a Dise (Delegacia de Investigação Sobre Entorpecentes). A incineração acontece após autorização judicial.

Para transportar as drogas foram necessários um caminhão e uma van, ambos escoltados. A previsão é de que a destruição do material leve cerca de três horas. O Grande ABC não conta com fornos suficientes para este trabalho, por isso o município do Vale do Paraíba foi escolhido.

Segundo o titular da Seccional de São Bernardo, Fernando Schimidt, a quantidade não foge da normalidade para o período. “Infelizmente temos grandes apreensões no Grande ABC por se tratar de uma região que conta com muitas estradas, o que facilita a rota de distribuição do tráfico.”

Além da autorização judicial para que a incineração pudesse ser realizada, Schimidt explica que a data de hoje foi escolhida devido a curso sobre prevenção de drogas oferecido pelo Denarc (Departamento de Investigações sobre Narcóticos) para agentes comunitários e formadores de opinião. O evento é gratuito e acontece desde segunda-feira na Câmara de São Bernardo. O encerramento será amanhã. “Queremos mostrar que a polícia previne e também reprime”, finaliza o delegado.
 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Sete toneladas de drogas apreendidas na região são levada para incineração em Pindamonhangaba

Marília Montich
Do Diário OnLine

08/08/2018 | 10:39


Cerca de 7 toneladas de drogas apreendidas entre janeiro e julho deste ano em São Bernardo e São Caetano seguem na manhã desta quarta-feira (8) para a cidade de Pindamonhangaba, onde serão incineradas em uma siderúrgica.

São, precisamente, 7,2 toneladas envolvendo maconha, cocaína, crack e outros entorpecentes, como lança-perfume e LSD. A quantidade é resultado de diversas apreensões ao longo do ano de todas as delegacias atreladas à Seccional de São Bernardo, incluindo a Dise (Delegacia de Investigação Sobre Entorpecentes). A incineração acontece após autorização judicial.

Para transportar as drogas foram necessários um caminhão e uma van, ambos escoltados. A previsão é de que a destruição do material leve cerca de três horas. O Grande ABC não conta com fornos suficientes para este trabalho, por isso o município do Vale do Paraíba foi escolhido.

Segundo o titular da Seccional de São Bernardo, Fernando Schimidt, a quantidade não foge da normalidade para o período. “Infelizmente temos grandes apreensões no Grande ABC por se tratar de uma região que conta com muitas estradas, o que facilita a rota de distribuição do tráfico.”

Além da autorização judicial para que a incineração pudesse ser realizada, Schimidt explica que a data de hoje foi escolhida devido a curso sobre prevenção de drogas oferecido pelo Denarc (Departamento de Investigações sobre Narcóticos) para agentes comunitários e formadores de opinião. O evento é gratuito e acontece desde segunda-feira na Câmara de São Bernardo. O encerramento será amanhã. “Queremos mostrar que a polícia previne e também reprime”, finaliza o delegado.
 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;